Guedes tira Waldery Rodrigues da Secretaria da Fazenda

Para o lugar dele, Guedes deve apontar Bruno Funchal, que hoje comanda a Secretaria do Tesouro Nacional

Daniela Lima e Renata Agostini, da CNN Brasil

Ouvir notícia

O ministro da Economia, Paulo Guedes, tirou Waldery Rodrigues do cargo de secretário especial da Fazenda nesta terça-feira (27). Como adiantado por Daniela Lima e Renata Agostini, o ministro está promovendo mudanças na estrutura de sua pasta.

Mais cedo, a CNN noticiou que houve a demissão de Waldery, quando, oficialmente, ele foi convidado a permanecer no Ministério da Economia como assessor especial de Guedes. A informação foi corrigida.

Para o lugar de Waldery, Guedes deve apontar Bruno Funchal, que hoje comanda a Secretaria do Tesouro Nacional. 

Com isso, Jeferson Bittencourt, assessor especial de Guedes, assumiria a Secretaria do Tesouro. Ele está no Ministério da Economia desde o início do governo Bolsonaro e já ocupou o posto de secretário especial adjunto de Fazenda.

A saída de Waldery era cobrada há tempos. No ano passado, o próprio presidente Jair Bolsonaro fez críticas a políticas ventiladas pelo secretário. Após Waldery propor o congelamento de aposentadorias, Bolsonaro literalmente afirmou que havia dado um “cartão vermelho” à tese. 

“Jamais vou tirar dos pobres para dar aos paupérrimos”, afirmou Bolsonaro na ocasião. 

O ministro da Economia, Paulo Guedes
O ministro da Economia, Paulo Guedes
Foto: Divulgação/Marcos Corrêa/PR

(Com informações de Igor Gadelha, da CNN em Brasília)

Mais Recentes da CNN