IBGE retoma de forma parcial atividades presenciais, incluindo pesquisas

O IBGE ressalta a importância do atendimento aos protocolos de saúde locais na realização das atividades", comunicou o órgão, em nota oficial

Funcionários do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE)
Funcionários do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) Foto: Licia Rubinstein/Agência IBGE

Daniela Amorim,

do Estadão Conteúdo

Ouvir notícia

O Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) informou nesta segunda-feira (12) que retomou parcialmente as atividades presenciais, incluindo a coleta de indicadores econômicos. A decisão leva em consideração a evolução da pandemia de Covid-19, podendo ser revista em caso de agravamento da crise sanitária. Segundo o órgão, algumas atividades consideradas essenciais deixaram de ocorrer exclusivamente de forma remota, passando também a serem realizadas presencialmente, desde o início de julho.

“Tal flexibilização foi publicada no dia 5 de julho na portaria nº 207/2021 da Presidência do IBGE. A portaria tem caráter excepcional e pode ser suspensa a qualquer momento, pois leva em consideração condições locais da pandemia que estão sendo observadas e acompanhadas em cada Unidade da Federação. Além disso, o IBGE ressalta a importância do atendimento aos protocolos de saúde locais na realização das atividades”, comunicou o órgão, em nota oficial.

Entre as atividades que tiveram o trabalho presencial flexibilizado estão a coleta de contato telefônico de moradores e também de informações dos domicílios selecionados na Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios Contínua (Pnad Contínua); coleta das informações das Pesquisas Econômicas, Agropecuárias e de Preços; coleta dos dados de divórcios judiciais nas respectivas varas cíveis e de família, de forma a viabilizar a conclusão da coleta e possibilitar a divulgação completa dos resultados da pesquisa Estatísticas do Registro Civil; atualização e realização das atividades do Cadastro Nacional Estatístico para Fins Estatístico (CNEFE); manutenção de equipamentos que compõem a Rede Brasileira de Monitoramento Contínuo dos Sistemas GNSS – RBMC e a Rede Maregráfica Permanente para Geodésia – RMPG que se encontram inoperantes no momento; e atualização e realização de atividades da base territorial para o Censo Demográfico 2022.

Mais Recentes da CNN