iPhone 11 é celular mais vendido no mundo; tem o triplo do 2º colocado

Mais de 37 milhões de aparelhos foram comercializados nos primeiros seis meses do ano

Capa do podcast Abertura de Mercado
Capa do podcast Abertura de Mercado Foto: CNN Brasil

Fernando Nakagawada CNN

Ouvir notícia

Dos dez modelos mais vendidos no primeiro semestre de 2020, segundo dados da consultoria OMDIA, cinco são da Apple, quatro da Xiaomi e um da Samsung. Em 2019, o cenário era diferente, com quatro Samsung, três Apple, dois Xiaomi e um da também chinesa Oppo no top 10.

No episódio de hoje:

– A equipe econômica deve entregar nesta quinta-feira a proposta de reforma administrativa;
– O texto prevê uma divisão do funcionalismo em pelo menos três grupos com níveis diferentes de estabilidade;
– As carreiras de estado serão as únicas com garantia da estabilidade;
– A reforma prevê criar uma nova figura de servidores com tempo com contratação indeterminado, mas sem estabilidade;
– Há também a intenção de contratação por tempo determinado, ou seja, com prazo para deixar o funcionalismo público;
– Thais Arbex, da CNN, apurou que o texto confirma a fala do presidente de que a reforma não vai afetar servidores atuais;
– A expectativa por detalhes da reforma administrativa fez o mercado financeiro operar sem rumo claro na última sessão;
– O Ibovespa ignorou as altas em Nova York e caiu 0,25%. Já o dólar seguiu em tendência positiva e caiu 0,49% para R$ 5,35;
– Ainda falando da bolsa, duas ações estrearam na B3. Os papéis da rede de farmácias Pague Menos terminaram a quarta-feira em forte alta de 21,17%, a R$ 10,30;
– Já as ações da Lavvi, subsidiária da incorporadora Cyrela, caíram 5,26% para R$ 8,05
– Com o novo mês, o CNN Business atualizou a carteira de ações recomendadas por especialistas;
– A ação da Vale foi a preferida dos analistas com quatro recomendações;
– O iPhone 11 foi o celular mais vendido em todo o mundo no primeiro semestre de 2020; Uma pesquisa da consultoria OMDIA mostra que foram entregues 37,7 milhões do modelo da Apple entre janeiro e junho de 2020;
– Este número foi mais de três vezes maior que o segundo colocado da lista, o Galaxy A51 da Samsung, que vendeu 11,4 milhões de unidades;
– Para a OMDIA, a chinesa Xiaomi ocupou o lugar da sul coreana Samsung principalmente no segmento de celulares baratos, de entrada, e nos modelos de preço médio;
– A Unilever pretende gastar € 1 bilhão nos próximos anos para mudar a fórmula de produtos de lavanderia e limpeza até 2030;
– O dinheiro vai ser gasto para eliminar ingredientes que usam combustíveis fósseis e são usados na fabricação de produtos como o sabão em pó OMO ou o limpador Cif;
– A fabricante de brinquedos Lego ignorou a crise gerada pela pandemia;
– As vendas da empresa dinamarquesa cresceram 7% no primeiro semestre de 2020 e somaram mais de R$ 13 bilhões;
– O lucro cresceu ainda mais, ficou 11% maior, e superou o equivalente a mais de R$ 3 bilhões de reais nos seis meses;
– No semestre, também foram inauguradas 46 lojas em todo o mundo, sendo 30 apenas na China;
– AGENDA: IBGE divulga às 9h os dados da produção industrial do mês de julho;
– Nos Estados Unidos, às 10h45 saem números antecedentes da atividade econômica em agosto, o PMI.

Clique aqui para acessar a página do CNN Business no Facebook

Mais Recentes da CNN