Liberação de reservas americanas de petróleo será gradual, diz secretária

Segundo secretária, o desequilíbrio entre oferta e demanda no mercado de petróleo é o responsável pelo encarecimento da gasolina

Secretária disse ainda que o governo considera todos os instrumentos possíveis para aumentar o volume de petróleo disponível, com objetivo de conter os preços
Secretária disse ainda que o governo considera todos os instrumentos possíveis para aumentar o volume de petróleo disponível, com objetivo de conter os preços Reuters

André Marinho, do Estadão Conteúdo

Ouvir notícia

A secretária de Energia dos Estados Unidos, Jennifer Granholm, explicou que a liberação das reservas americanas de petróleo anunciada nesta terça-feira (23) será feita de maneira gradual. “Não vamos liberar tudo de uma vez”, afirmou, em entrevista coletiva na Casa Branca.

Granholm acrescentou que a Administração de Informações de Energia do Departamento de Energia (DoE) prevê que a alta dos preços de gasolina se reverterá no ano que vem.

Segundo ela, o desequilíbrio entre oferta e demanda no mercado de petróleo é o responsável pelo encarecimento da gasolina.

A secretária disse ainda que o governo considera todos os instrumentos possíveis para aumentar o volume de petróleo disponível, com objetivo de conter os preços.

Na visão dela, o quadro atual demonstra a necessidade de parar de depender de uma única fonte de energia e diversificar a matriz energética.

Mais Recentes da CNN