Lira, Pacheco e Guedes falam em prioridade de vacinas e de auxílio

"Prioridade absoluta é a vacina e auxílio emergencial", disse Pacheco, em pronunciamento conjunto

Anna Russi e Larissa Rodrigues, da CNN, em Brasília

Ouvir notícia

Após reunião nesta sexta-feira (12), os presidentes da Câmara dos Deputados, Arthur Lira, e do Senado, Rodrigo Pacheco, e o ministro da Economia, Paulo Guedes, enfatizaram o compromisso com a aceleração da vacina e com a recriação do auxílio emergencial. 

“Prioridade absoluta é a vacina e auxílio emergencial”, disse Pacheco, em pronunciamento conjunto. Segundo Pacheco, o benefício deve ser suficiente para alcançar o maior número de pessoas, sem deixar de lado a responsabilidade fiscal.  

“Nossa expectativa é que possamos ter no mês de março, abril, maio e, eventualmente, em junho o auxílio emergencial”, afirmou. 

Guedes também reforçou o compromisso com a saúde e renda dos brasileiros, que é o avanço na vacinação e no auxílio emergencial, será acompanhado do compromisso com a responsabilidade fiscal. “É justamente o novo marco fiscal que representa o Pacto Federativo com essa cláusula de calamidade pública”, esclareceu. 

Além de vacinas e do benefício social, também foi discutida a agenda de reformas. “Vamos cumprir a agenda no retorno do Carnaval, a Câmara com a Reforma Administrativa que está na sua responsabilidade”, afirmou Lira. Pacheco também informou que o Senado fará um cronograma para a reforma tributária.

No Senaod também entram as PECs Emergencial, dos fundos públicos e do Pacto Federativo. A expectativa é que esses calendário esteja definido até março. 

Para o ministro da Economia, a mais importante é a chamada reforma do marco fiscal, “que garante que vamos enfrentar essa guerra sem comprometer as fururas gerações”. 

Lira ainda garantiu que as pautas econômica, de saúde e social “serão tratadas com rapidez e transparência, para dar garantia aos vulneráveis”. Ele também citou o alongamento das filas de vacinação e medidas que facilitem o trâmite das vacinas conta a Covid-19.

Arthur Lira, Rodrigo Pacheco e Paulo Guedes
Presidentes da Câmara e Senado, Artur Lira e Rodrigo Pacheco, fazem pronunciamento sobre o auxílio ao lado do ministro da Economia, Paulo Guedes
Foto: Reprodução/CNN Brasil (12.fev.2021)

 

Mais Recentes da CNN