Mega-Sena sorteia prêmio de R$ 2,5 milhões nesta quarta-feira (23)

Uma pessoa levou sozinha o prêmio de R$ 7 milhões do sorteio anterior, realizado no sábado. O ganhador é de São Paulo

Mega-Sena da Virada
Mega-Sena da Virada Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil

Ligia Tuon, do CNN Brasil Business, em São Paulo

Ouvir notícia

 

O concurso 2.383 da Mega-Sena pode pagar R$ 2,5 milhões nesta quarta-feira (23). 

Uma pessoa levou sozinha o prêmio de R$ 7 milhões do sorteio anterior, realizado no sábado. O ganhador é de São Paulo. 

As apostas podem ser feitas por maiores de 18 anos, até as 19h, nas lotéricas de todo o país, pelo portal Loterias Caixa, no aplicativo Loterias Caixa (disponível para iOS ou Android) ou por meio do Internet Banking Caixa para clientes do banco. O valor de uma aposta simples na Mega-Sena, com seis dezenas, é de R$ 4,50.

 

O sorteio será realizado a partir das 20h (horário de Brasília), no Espaço Loterias Caixa, que fica no Terminal Rodoviário do Tietê, em São Paulo (SP). O evento é transmitido ao vivo pelas redes sociais da Caixa e as gravações ficam disponíveis no site Loterias Caixa, na aba transmissão de sorteios.

Bolão da Caixa

Além das apostas individuais, também é possível apostar por meio de bolões. Para isso, basta formar um grupo, escolher os números, marcar a quantidade de cotas e fazer a aposta em qualquer uma das lotéricas do país. Ao ser registrada no sistema, a aposta gera um recibo de cota para cada participante, que pode resgatar a sua parte do prêmio individualmente.

Os bolões têm valor mínimo de R$ 10 e cada cota deve ser de pelo menos R$ 2,50, sendo possível realizar um bolão de no mínimo duas e no máximo 50 cotas.

O apostador também pode adquirir cotas de bolões organizados pelas lotéricas. Basta solicitar ao atendente a quantidade de cotas que deseja e guardar o recibo para conferir a aposta no dia do sorteio. Nesse caso, poderá ser cobrada uma tarifa de serviço adicional de até 35% do valor da cota, a critério da lotérica.

(Com Agência Brasil)

Tópicos

Mais Recentes da CNN