Mercado da China fecha em baixa com aumento nos casos globais de coronavírus

O índice CSI300, que reúne as maiores companhias listadas em Xangai e Shenzhen, caiu 1,19%, enquanto o índice de Xangai teve queda de 1,29%

Foto: Kim Kyung-Hoon/Reuters

Da Reuters

Ouvir notícia

Mercado da China fechou em baixa nesta terça-feira (22) diante da queda dos setores de matérias-primas e transporte após preocupações com o aumento nos casos globais do coronavírus.

O índice CSI300, que reúne as maiores companhias listadas em Xangai e Shenzhen, caiu 1,19%, enquanto o índice de Xangai teve queda de 1,29%.

Leia também:
Bolsa cai e fecha abaixo dos 97 mil pontos por medo de 2ª onda da Covid-19
Ações da CVC, Gol e Azul despencam com temores de novo lockdown na Europa

Os subíndices de matérias-primas do CSI300 e de transporte perderam 2,9% e 3%, respectivamente.

Novas medidas contra a pandemia no Reino Unido provocaram quedas em empresas áreas, de hotelaria e de cruzeiros tanto nos mercados europeus quanto norte-americanos, provocando temores sobre mais restrições.

. Em TÓQUIO, o índice Nikkei permaneceu fechado.

. Em HONG KONG, o índice HANG SENG caiu 0,98%, a 23.716 pontos.

. Em XANGAI, o índice SSEC perdeu 1,29%, a 3.274 pontos.

. O índice CSI300, que reúne as maiores companhias listadas em XANGAI e SHENZHEN, retrocedeu 1,19%, a 4.635 pontos.

. Em SEUL, o índice KOSPI teve desvalorização de 2,38%, a 2.332 pontos.

. Em TAIWAN, o índice TAIEX registrou baixa de 1,17%, a 12.645 pontos.

. Em CINGAPURA, o índice STRAITS TIMES desvalorizou-se 0,90%, a 2.463 pontos.

. Em SYDNEY o índice S&P/ASX 200 recuou 0,66%, a 5.784 pontos.

Clique aqui para acessar a página do CNN Business no Facebook

Mais Recentes da CNN