Mercedes-Benz vai fechar fábrica em SP e encerrar produção de carros no Brasil

A unidade tem 370 colaboradores e a empresa disse que “está buscando a melhor perspectiva de futuro” para eles.

Foto: Divulgação/Mercedes

Leonardo Guimarães,

do CNN Brasil Business, em São Paulo

Ouvir notícia

A Mercedes-Benz decidiu fechar sua fábrica de carros em Iracemápolis, no interior de São Paulo. Em comunicado, a montadora alemã citou a situação econômica ‘difícil há muitos anos no Brasil” como justificativa para a decisão, anunciada nesta quinta-feira (17). 

Esta é a única unidade da Mercedes no Brasil que produz os carros de luxo da marca. A fabricação dos veículos a serem entregues para os consumidores brasileiros será distribuída para outras fábricas, fora do país. 

Leia também:
Strada, Tracker e elétrico da Audi: relembre carros lançados em 2020 no Brasil
Jac iEV20 e Renault Zoe: os preços dos carros elétricos mais baratos do Brasil

Com o movimento, a Mercedes-Benz segue com duas fábricas no Brasil: uma em São Bernardo do Campo, no interior de São Paulo, que produz caminhões e chassis de ônibus, e outra em Juiz de Fora (Minas Gerais) que produz cabines de caminhões. 

A unidade de Iracemápolis tem 370 colaboradores e a empresa disse que “está buscando a melhor perspectiva de futuro” para eles. Entre as soluções está a criação de um programa de demissão voluntária. 

“Aumentar nossa eficiência, otimizando a nossa capacidade de utilização é um facilitador importante. Por isso, decidimos encerrar a produção de automóveis premium no Brasil”, afirma Jörg Burzer, Membro do Board da Mercedes-Benz AG, Produção e Cadeia de Suprimentos

Essa fábrica é responsável pela produção dos modelos Mercedes Benz Classe C e GLA. A montadora disse que vai continuar com a operação de cerca de 50 concessionárias de automóveis no Brasil. 

Clique aqui para acessar a página do CNN Business no Facebook

Mais Recentes da CNN