O Grande Debate: guerra na Ucrânia pode acelerar regulação de criptoativos

Especialistas avaliam impactos da guerra na Ucrânia

Do CNN Business

Ouvir notícia

As criptomoedas apareceram no mercado e trouxeram mobilidade e privacidade para transações financeiras.

Se antes as pessoas guardavam ouro em casa para um momento de crise, hoje podem carregar capital financeiro dentro de um pen drive.

A circulação de criptoativos, no entanto, cria um debate: se por um lado proporciona uma mudança de mentalidade dos players do mercado, por outro, a falta de regulamentação pode facilitar o drible de regras.

Com o conflito na Ucrânia, esse debate se acentuou. Enquanto vaquinhas online têm sido criadas e alimentadas com moedas digitais para a Ucrânia, outras pessoas têm se usado de criptoativos para escapar das sanções impostas à Rússia e movimentar dinheiro livremente.

O senado brasileiro aprovou, em fevereiro deste ano, a regulamentação das exchanges, as intermediárias dos criptoativos. Mas há quem diga que isso não é o suficiente, que essa regulamentação deva ir além.

No programa de hoje, respondemos à pergunta: a guerra na Ucrânia acelera a regulação de criptoativos?

Em O Grande Debate-Investimentos desta segunda-feira (14), Nicole Dyskant, diretora Jurídica e de Compliance Global da Hashdex, aponta que a regulação existe mais nas intermediadoras das moedas digitais, como as exchanges. Já Osny da Silva Filho, professor da FGV Direito em São Paulo, entende que em alguns tipos de criptomoedas essa regulação pode ser possível, para viabilizar os negócios.

O Grande Debate – Investimentos terá sempre a presença de dois especialistas com visões antagônicas para debater os prós e os contras das diferentes opções e soluções de investimentos, além de temas do mundo das finanças pessoais e do mercado financeiro.

A atração é semanal e vai ao ar às segundas-feiras, às 21h20.

*Publicado por Ana Carolina Nunes

Mais Recentes da CNN