ONS prevê aumento no nível dos reservatórios para a última semana do ano

Boletim do operador projeta também recuo de 0,6% na carga energética no país, na comparação com o mês de dezembro de 2020

Aumento das chuvas para o período irá ajudar na subida do nível de armazenamento de água nos reservatórios
Aumento das chuvas para o período irá ajudar na subida do nível de armazenamento de água nos reservatórios Reprodução

Elis Barretoda CNN

no Rio de Janeiro

Ouvir notícia

O Operador Nacional do Sistema (ONS), em boletim divulgado nesta quinta-feira (23), prevê um aumento no nível dos reservatórios dos quatro subsistemas do Sistema Integrado Nacional (SIN), para a próxima semana, de 25 a 31 de dezembro.

Por conta das chuvas previstas para o período, o subsistema Sudeste/Centro-Oeste, responsável por cerca de 70% da geração de energia do Brasil, chegará a 24,9% da capacidade de armazenamento.

Na última semana, o nível dos reservatórios do subsistema estava em 21,1%. Para os subsistemas Sul, Nordeste e Norte, a previsão é de que cheguem a 41,1%, 50% e 47,8%, respectivamente.

A previsão de carga energética no SIN, para a próxima semana, apresenta um recuo de 0,6%, na comparação com o mês de dezembro de 2020. A retração da carga, segundo o ONS, ocorre devido aos feriados de fim de ano, que interrompem ou diminuem o expediente nos setores produtivos.

Além disso, o operador afirma que ocorreu um recuo na recuperação da indústria, grande responsável pelo consumo de energia do país, em decorrência de pressões intensas sobre os preços, incerteza do mercado e aumento das taxas de juros.

O ONS prevê temperaturas elevadas em todas as regiões do país, com destaque para o interior dos estados de São Paulo, Mato Grosso do Sul, Rio Grande do Sul, Santa Catarina e Paraná, que podem ser superiores às observadas na semana em curso.

Mais Recentes da CNN