Com recuperação da região Sul, hidrelétricas do país operam em alta

Sul do brasil deve registrar, em abril, volume de chuvas 90% maior em comparação com a média histórica

Demanda energética pode finalizar o mês de abril em alta de 2,3%, no comparativo com o mesmo mês de 2021
Demanda energética pode finalizar o mês de abril em alta de 2,3%, no comparativo com o mesmo mês de 2021 REUTERS/Paulo Whitaker

Lucas Janoneda CNN

no Rio de Janeiro

Ouvir notícia

O boletim do Operador Nacional do Sistema Elétrico (ONS), divulgado nesta sexta-feira (8), mostrou um cenário positivo para as hidrelétricas de todo país. Influenciado pelo volume de chuvas, os reservatórios das usinas do Sistema Interligado Nacional (SIN) devem registrar níveis superiores a 65% em todas as regiões do Brasil até o fim de abril.

Segundo o documento, a expectativa para o volume de chuvas é positiva para abril. No Brasil, o destaque ficou com a região Sul que deve ter quase o dobro de afluências, em comparação com a média histórica da região.

As chuvas voltaram a acontecer na região Sul após meses de escassez hídrica na região, que, segundo especialistas, teve a pior seca do século. O Norte do país terá um volume de chuvas 5% acima da média. No Nordeste e Sudeste as chuvas permanecem no mesmo nível da média histórica.

Os reservatórios do Subsistema Sudeste/Centro-Oeste, que representam 70% da geração elétrica do país, devem chegar a 68,2% da capacidade máxima até o fim do mês. O volume hídrico das usinas da região cresce há pelo menos 6 meses.

As outras regiões do Brasil também apresentam bons cenários hídricos para as próximas semanas: Nordeste com 95,2% da capacidade, o Norte com 95,2% e o Sul com 70%, que se recupera nos últimos dois meses.

A demanda energética pode finalizar o mês de abril em alta de 2,3%, no comparativo com o mesmo mês de 2021. O documento aponta que a alta na carga está relacionada à retomada econômica do país após as restrições causadas pela pandemia de Covid-19.

Mais Recentes da CNN