Pacote de ajuda aos estados causará impacto negativo no PIB, avalia economista

Marcos Mendes, economista do Insper, conversou com a CNN nesta quarta-feira (15)

Da CNN, em São Paulo

Ouvir notícia

À CNN, Marcos Mendes, economista do Insper, analisou o pacote de ajuda financeira da União para os estados e municípios e afirmou que a despesa causará impacto negativo no PIB (Produto Interno Bruto) brasileiro.

“Se o impacto fiscal for limitado a este ano, a nossa dívida bruta vai bater perto de 90% do PIB e ao longo dos próximos anos, por conta dos juros, vai chegar perto dos 100% do PIB, que é um valor altíssimo”. 

Segundo ele, se houver algum carregamento desse aumento de despesa para os próximos dois anos, ainda que parcial, a dívida do país chegará a 120% do PIB. “É um valor inimaginável e que vai exigir um esforço muito grande de ajuda. Nós chegamos no limite em termos de endividamento público”.

Ainda de acordo com ele, a equipe econômica do governo deverá ser muito cirúrgica na definição de programas de auxílio. “Precisamos encontrar caminhos por meio de redução de despesa para não sobrecarregar a dívida pública”, afirmou.

 

Mais Recentes da CNN