Anfavea: país terá 28 fábricas de veículos paradas a partir da semana que vem

Trabalhadores em linha de montagem de fábrica de automóveis em São Bernardo do Campo (13.AGO.2013)
Trabalhadores em linha de montagem de fábrica de automóveis em São Bernardo do Campo (13.AGO.2013) Foto: Nacho Doce/Reuters

Raquel Landimda CNN

Ouvir notícia

O Brasil terá 28 fábricas de veículos paradas em oito montadoras diferentes a partir da próxima semana.

O balanço foi passado ao CNN Brasil Business pela Associação Nacional dos Fabricantes de Veículos Automotores (Anfavea). 

A data exata de interrupção das atividades varia conforme a empresa. A previsão é de, em média, duas semanas de férias coletivas para os funcionários.

O objetivo é reduzir o risco para os trabalhadores por causa do novo coronavírus e evitar falta de peças, já que também existem fornecedores parados em vários países do mundo.

Ainda não estimativas sobre impacto na produção. No total, o Brasil possui 67 fábricas de veículos.
Segundo Luiz Carlos Carlos Moraes, a quantidade de unidades paralisadas pode aumentar.

Segue a lista de montadoras e número de fábricas:

Mercedes-Benz (4)

GM (7)

Volks (4)

Toyota (4)

Scania (1)

Ford (4)

Caoa (2)

Volvo (1)

BMW (1)

Mais Recentes da CNN