Petrobras aumenta em 5% valor de gás de cozinha a partir de quinta-feira

O preço médio da companhia às distribuidoras será equivalente a R$ 26,55 por botijão de 13 kg

Gás de cozinha puxa a inflação de setembro em Brasília Cruzeiro, Brasília, DF, Brasil 13/10/2015 Foto: Pedro Ventura/Agência Brasília Com variação de 19,23% no valor do botijão, o gás de cozinha contribuiu diretamente para o aumento da inflação no Distrito Federal em setembro.
Gás de cozinha puxa a inflação de setembro em Brasília Cruzeiro, Brasília, DF, Brasil 13/10/2015 Foto: Pedro Ventura/Agência Brasília Com variação de 19,23% no valor do botijão, o gás de cozinha contribuiu diretamente para o aumento da inflação no Distrito Federal em setembro. Foto: Pedro Ventura/Ag Brasília/Fotos

Reuters

Ouvir notícia

A Petrobras informou nesta quarta-feira que elevará em 5% o preço médio do GLP, também conhecido como gás de cozinha, a partir de quinta-feira.

Com isso, o preço médio da Petrobras às distribuidoras será equivalente a 26,55 reais por botijão de 13 kg.

Apesar do aumento, disse a Petrobras, no acumulado do ano o produto ainda registra queda de 4,5%, ou 1,26 real por botijão de 13 kg.

Leia também: 
Após adiamento por pandemia, Petrobras pagará dividendos de 2019 em dezembro

A Petrobras ressaltou que, desde novembro de 2019, igualou os preços de GLP para os segmentos residencial e industrial/comercial, e que o GLP é vendido pela Petrobras a granel.

“As distribuidoras são as responsáveis pelo envase em diferentes tipos de botijão e, junto com as revendas, são responsáveis pelos preços ao consumidor final”, disse a assessoria de imprensa, após ser procurada pela Reuters.

Clique aqui para acessar a página do CNN Business no Facebook

Tópicos

Mais Recentes da CNN