Renner pode captar até R$ 6,458 bilhões em oferta de ações

A empresa fala que os recursos serão destinados para o desenvolvimento e fortalecimento de seu ecossistema de moda e lifestyle

Unidade da Renner
Unidade da Renner Foto: Divulgação

Felipe Laurence,

do Estadão Conteúdo

Ouvir notícia

Após dizer na última sexta-feira (16) que estava considerando uma oferta subsequente de ações (“follow on”), a Lojas Renner anunciou nesta segunda-feira (19) que irá realizar uma emissão com esforços restritos de até 102 milhões novas ações, que podem ser acrescentadas de lote adicional de até 35,7 milhões, caso haja demanda. Levando em conta o preço da ação na última sexta-feira, de R$ 46,90, a oferta pode girar até R$ 6,458 bilhões, considerando as ações adicionais.

A empresa fala que os recursos serão destinados para o desenvolvimento e fortalecimento de seu ecossistema de moda e lifestyle por meio de iniciativas orgânicas e/ou inorgânicas; a continuidade na digitalização dos processos centrais da Renner e no desenvolvimento do seu canal “omnichannel”; construção de um novo centro de distribuição; expansão das lojas físicas; expansão dos serviços financeiros; e flexibilidade para realizar investimentos.

O preço por ação será definido em 29 de abril, após o fim do processo de “bookbuilding”. Os novos papéis começam a ser negociados na B3 em 3 de maio. O Itaú BBA coordena a oferta juntamente com o BTG Pactual, JPMorgan, Morgan Stanley e Santander.

Mais Recentes da CNN