Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    Renova Energia aceita oferta da AES por projeto eólico no Rio Grande do Norte

    AES é a primeira proponente no leilão judicial da unidade produtiva isolada (UPI) Cordilheira dos Ventos, cujo certame está previsto para março

    Turbina de geração de energia eólica
    Turbina de geração de energia eólica 26/04/2017REUTERS/Paulo Whitaker

    da Reuters

    Ouvir notícia

    A Renova Energia, que está em recuperação judicial, informou nesta quinta-feira (27) que aceitou uma proposta apresentada pela AES para comprar ativos da Renova no Complexo Cordilheira dos Ventos, localizado no Rio Grande do Norte.

    Segundo a companhia, a empresa AES GF1 Holding garantiu o direito de ser a primeira proponente no leilão judicial da unidade produtiva isolada (UPI) Cordilheira dos Ventos, que será realizado no âmbito do processo de recuperação judicial. O certame está previsto para março.

    A oferta da AES envolve os projetos Facheiro II, Facheiro III e Labocó, com capacidade de desenvolvimento eólico de 305 megawatts (MW). O valor da transação não foi divulgado.

    Em comunicado separado, a Renova informou que Cordilheira do Ventos é um dos 16 complexos eólicos que integram seu portfólio de projetos futuros no Nordeste do país.

    O negócio com a AES é apenas para parte dos ativos do complexo, de modo que a companhia continua com uma área remanescente com potencial de geração de 315 MW, acrescentou.

    Segundo a Renova, parte dos recursos arrecadados na conclusão da operação será usado para antecipar a amortização de dívidas com o BNDES, Citibank e Cemig. Outra parte será destinada ao caixa da companhia para uso na operação.

     

     

    Mais Recentes da CNN