Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    Se PEC for aprovada, faremos auxílio chegar o mais rápido possível, diz Daniella Marques

    Segundo Marques, questões contratuais estão sendo acertadas entre a Caixa e o Ministério da Cidadania para possibilitar o objetivo

    Pedro Zanattado CNN Brasil Business

    em São Paulo

    Ouvir notícia

    Em coletiva para jornalistas, nesta terça-feira (5), a nova presidente da Caixa Econômica Federal, Daniella Marques, afirmou que já estão sendo acertadas questões contratuais entre o Ministério da Cidadania e a Caixa para que “se for aprovada e promulgada essa PEC [dos Benefícios], a gente faça chegar este auxílio para os brasileiros que mais precisam o mais rápido possível”.

    Marques comentou ainda sobre as denúncias de assédio feitas contra o ex-presidente do banco Pedro Guimarães. Segundo ela, será aberto um canal de diálogo com os empregados, o “Diálogo Seguro Caixa”.

    “Vai ser um canal de diálogo aberto exclusivamente para mulheres nos próximos 20 dias, diretamente comigo, onde todas as mulheres empregadas da Caixa, são 35 mil, serão acolhidas, ouvidas e protegidas para que eu entenda um pouco e me aprofunde nos indícios que estão sendo relatados”, afirmou.

    Sobre uma nova estrutura para a Caixa, Marques disse que está desenhando algo que lhe atenda. “Estou desenhando a estrutura que me atende, que atende ao meu modelo de gestão”.

    Por fim, a nova presidente disse que, caso sejam comprovados atos ilícitos ocorridos no banco, as punições serão aplicadas.

    Marques assumiu o posto nesta terça-feira, em cerimônia no Palácio do Planalto. Ela entra como substituta do ex-presidente do banco Pedro Guimarães, que pediu demissão na última quarta-feira (29), após denúncias de assédio sexual que estão sendo investigadas pelo Ministério Público Federal e pelo Ministério Público do Trabalho.

    Em carta divulgada, o ex-presidente do banco negou as acusações.

    Antes de ser anunciada para o cargo, Marques ocupava o posto de secretária especial de Produtividade e Competitividade do Ministério da Economia, para o qual foi indicada em 2 de fevereiro de 2022.

    Na última sexta-feira (1º), o nome de Marques foi aprovado pelo Comitê de Elegibilidade da Caixa Econômica Federal e assinou o termo de posse.

    Mais Recentes da CNN