Slack volta ao ar após interromper comunicações nesta terça-feira (22)

Empresa está investigando as causas por trás do ocorrido, e alguns usuários ainda podem enfrentar instabilidades

"O Slack caiu, o que significa que o trabalho foi cancelado", brincou um usuário do Twitter na terça-feira
"O Slack caiu, o que significa que o trabalho foi cancelado", brincou um usuário do Twitter na terça-feira Foto: UnSplash

Clare Duffydo CNN Business

Ouvir notícia

O Slack caiu para muitos usuários na manhã de terça-feira (22), afetando empresas que confiam na popular plataforma de comunicação.

“Estamos investigando o problema em que o Slack não está carregando para alguns usuários”, disse a empresa em sua página de status por volta das 11h30 (horário de Brasília). Os problemas persistiram para alguns usuários durante toda a manhã.

O Slack e serviços similares surgiram como ferramentas essenciais para os trabalhadores de escritório se manterem conectados aos colegas durante a pandemia.

A empresa atende grandes empresas, incluindo Netflix, Uber e Target, bem como agências governamentais, como o Departamento de Assuntos de Veteranos dos EUA.

Muitas organizações de notícias, incluindo a CNN, também contam com a plataforma. O Slack foi adquirido pela Salesforce no ano passado.

“O Slack caiu, o que significa que o trabalho foi cancelado”, brincou um usuário do Twitter na terça-feira. Outros brincaram que temiam que tivessem sido demitidos, antes de perceberem que era apenas uma interrupção.

O site de rastreamento de interrupções Down Detector mostrou relatos de problemas sobre o pico do Slack por volta das 11h30, antes de diminuir um pouco.

Cerca de uma hora após a confirmação da interrupção, alguns usuários começaram a relatar que o serviço havia sido retomado, principalmente no aplicativo móvel.

No entanto, o Slack disse que outras pessoas ainda não conseguiram carregar a plataforma e que continuava investigando o problema às 13h30.

Pouco depois das 14h, o Slack disse que estava “vendo sinais de melhora”. A empresa incentivou os usuários a recarregar o serviço ou, se isso não funcionar, fazer uma redefinição de cache.

“Ainda estamos monitorando a situação”, disse. “Vamos confirmar assim que esse problema for totalmente resolvido.”

Este conteúdo foi criado originalmente em inglês.

versão original

Mais Recentes da CNN