T-Mobile diz que dados de 40 milhões de pessoas foram roubados por hackers

Datas de nascimento, nomes e sobrenomes estão entre as informações capturadas da operadora de telefonia

Logo da T-Mobile em loja da empresa em Manhattan
Logo da T-Mobile em loja da empresa em Manhattan Foto: REUTERS/Shannon Stapleton

Por Derek Francis, Akanksha Rana e Subrat Patnaik, da Reuters

Ouvir notícia

A operadora de serviços de telecomunicações T-Mobile disse nesta quarta-feira (18) que uma investigação revelou que dados pessoais de mais de 40 milhões de possíveis clientes e ex-clientes foram roubados.

As informações roubadas também incluem dados de 7,8 milhões de clientes do serviço móvel da T-Mobile.

Datas de nascimento, nomes e sobrenomes também foram roubados, afirmou a operadora, acrescentando que não houve indicativo de que detalhes financeiros tenham sido comprometidos.

A violação de dados da T-Mobile é o mais recente ataque cibernético de grande porte. Hackers têm aproveitado a segurança mais fraca de políticas de home office devido à pandemia.

Mais Recentes da CNN