Taxa de ocupação nos hotéis do Rio de Janeiro é de 81% no início do feriado

Em São Paulo, até 410 mil veículos devem seguir para o litoral durante o feriadão

Jaqueline Frizonda CNN

No Rio de Janeiro

Ouvir notícia

As altas temperaturas atraíram os turistas para as praias do Sudeste para o feriado de 7 de setembro. No Rio de Janeiro, a taxa de ocupação de hotéis está em 81%.

Já em São Paulo, as estradas que levam ao litoral registraram trânsito intenso. A concessionária que administra o sistema Anchieta-Imigrantes prevê que entre 265 mil e 410 mil veículos sigam para o litoral.

O inverno com cara de verão lotou Copacabana, uma das praias mais movimentadas do Rio. Os termômetros marcaram 27°C neste sábado (4).

Além do calor, o avanço da vacinação contra a Covid-19 e a retomada do funcionamento de bares e restaurantes são um chamariz para os turistas.

Segundo a Associação Brasileira da Indústria de Hotéis, a ocupação no Rio chega a 81%. O gerente de projetos João Tavares veio de Taubaté, no interior paulista.

“É a primeira vez que eu venho, me surpreendeu o calor, porque em São Paulo não estava tão quente, mas tá bem gostoso, tá bem legal. Me surpreendeu também a quantidade de pessoas, está muito lotado”, contou.

Com tanto movimento, o policiamento foi reforçado. Depois de confusões registradas nos fins de semana anteriores, a Operação Verão foi antecipada para o feriadão no Rio. 170 guardas municipais e 500 policiais militares ocupam a orla, do Leme, na Zona Sul, ao Pontal, na Zona Oeste. O monitoramento também foi reforçado com 80 câmeras.

Um reforço bem-vindo, já que o calor deve continuar nos próximos dias. “A região Sudeste ainda fica com temperaturas em elevação. Por enquanto, não há previsão de nenhuma chuva significativa na região”, diz o metereologista Filipe Pungirum.

“Pode aumentar a nebulosidade durante o dia, mas o que predomina é o sol, calor, temperaturas em elevação e, infelizmente, também o tempo seco e a poluição”, completa.

Mais Recentes da CNN