Governo e B3 garantem normalidade das operações após ataque hacker

Nota divulgada pela instituição informa que compras e vendas podem ser feitas normalmente

Marcela Ayres,

da Reuters

Ouvir notícia

 O Tesouro Nacional informou nesta segunda-feira (16) que o ataque hacker sofrido na última sexta-feira (13) contra sua rede interna não afetou “de forma alguma” as operações do Tesouro Direito.

“As compras e vendas continuam podendo ser realizadas normalmente”, disse o Tesouro, em nota conjunta com a B3.

O Tesouro sofreu um ataque do tipo ransomware, investida que busca bloquear o acesso a arquivos ou sistemas, em geral exigindo um pagamento para liberá-los. Por essa razão, esse tipo de ataque é considerado um sequestro de dados.

No sábado (14), o Ministério da Economia havia informado, também em nota, que medidas de contenção foram imediatamente aplicadas após a identificação do ataque e que a Polícia Federal foi acionada.

“Nesta primeira etapa, avaliou-se que a ação não gerou danos aos sistemas estruturantes da Secretaria do Tesouro Nacional, como o Sistema Integrado de Administração Financeira (SIAFI) e os relacionados à Dívida Pública. As medidas saneadoras estão sendo tomadas”, disse o Tesouro.

Senhas; hacker; vazamento de dados
Tesouro sofreu um ataque ransomware, considerado um sequestro de dados
Foto: Pixabay

Mais Recentes da CNN