Todas as opções de parcelamento de precatórios são negativas, diz economista

Marcos Mendes disse à CNN que essas alternativas geram impactos ruins por passarem por emendas constitucionais

Da CNN

em São Paulo

Ouvir notícia

Em entrevista à CNN, o economista Marcos Mendes, afirmou que “todas as opções de parcelamento de precatórios têm impactos negativos muito complicados”. Segundo o especialista, o mesmo se aplica à possibilidade de tirar os precatórios do teto de gastos.

No entanto, Mendes aponta que uma exceção seria a resolução pelo CNJ (Conselho Nacional de Justiça). “Certamente vai ter a sua constitucionalidade questionada”, disse o economista caso se concretize.

O ministro da Economia, Paulo Guedes, tenta resgatar o acordo com o STF (Supremo Tribunal Federal) para parcelamento do pagamento de precatórios. O entendimento para a publicação de uma resolução do CNJ havia sido suspenso após críticas públicas do presidente Jair Bolsonaro (sem partido) a ministros da corte.

De acordo com Mendes, todas as outras opções em parcelar os precatórios são problemáticas por passarem por emendas constitucionais. “Emenda constitucional em um governo que é frágil junto ao Congresso Nacional sabemos com entra e não como sai”, explicou.

(Publicado por Evandro Furoni)

Mais Recentes da CNN