Uber vê recuperação lenta em corridas nos EUA, mas receita de unidade Eats dobra

A empresa teve prejuízo líquido de US$ 1,1 bilhão nos meses de julho a setembro

 
  Foto: Brendan McDermid/Reuters

Tina Bellon e Akanksha Rana,

da Reuters

Ouvir notícia

A Uber Technologies disse na noite de quinta-feira (5) que a demanda por seu serviço de entrega de comida disparou no terceiro trimestre, mas a recuperação em seus negócios globais de transporte está sendo limitada por seu mercado mais importante, os Estados Unidos.

As reservas de corridas foram prejudicadas por uma lenta recuperação, principalmente na costa oeste dos Estados Unidos, enquanto a Europa e o Oriente Médio se recuperaram de forma mais estável, com queda de apenas 36% em relação ao ano passado.

A empresa agora depende fortemente de reduções de custos e de um crescimento em seu negócio de entrega de comida, o Uber Eats, que está reduzindo gradualmente os prejuízos, mas continua a ser um obstáculo para os resultados financeiros do Uber.

Leia também:
Hyundai quer lançar serviço de robotáxi nos Estados Unidos em 2021
Enjoei.com, startup que nasceu como blog, convence e chegará à B3 valendo R$ 2 bi

A receita trimestral e o prejuízo ajustado ficaram abaixo das expectativas de Wall Street, mas a empresa reiterou sua meta de se tornar lucrativa em uma base ajustada antes do final de 2021.

O prejuízo ajustado EBITDA da empresa foi de US$ 625 milhões no terceiro trimestre, ante expectativas de analistas de prejuízo de US$ 597 milhões, de acordo com dados da Refinitiv.

A empresa teve prejuízo por ação não ajustado de US$ 0,62, contra estimativa de analistas de prejuízo de US$ 0,65 .

A receita da unidade Uber Eats mais do que dobrou para US$ 1,45 bilhão, mas a divisão continua perdendo dinheiro, apesar de ter reduzido o prejuízo nos últimos trimestres.

No total, a Uber registrou US$ 3,13 bilhões em receita no terceiro trimestre, ficando aquém da estimativa média de analistas de US$ 3,2 bilhões, de acordo com dados da Refinitiv.

A empresa teve prejuízo líquido de US$ 1,1 bilhão nos meses de julho a setembro, incluindo despesas de compensação com base em ações.

Clique aqui para acessar a página do CNN Business no Facebook

Tópicos

Mais Recentes da CNN