Waack: Auxílio emergencial mostrará se há coordenação entre governo e Congresso

Tema é questão primeira ordem por benefícios eleitorais evidentes para presidente da República e por mostrar como está a relação entre Executivo e Legislativo

Da CNN, em São Paulo

Ouvir notícia

No quadro CNN Poder desta quinta-feira (11), na CNN Rádio, William Waack diz que as discussões para a volta do Auxílio Emergencial mostrarão, de fato, se há coordenação entre o Executivo e os novos presidentes da Câmara e do Senado.

“O Congresso quer avançar com o Auxílio Emergencial, uma questão política de primeira ordem não só por causa dos benefícios eleitorais evidentes para o presidente da República, mas porque aí vamos descobrir o grau de coordenação entre Executivo e Legislativo”, afirmou.

Para eles, os novos presidentes das Casas Legislativas estão “forçando a barra” e criando uma enorme pressão ao dizerem que não dá para esperar as reformas enquanto as pessoas passam fome.

“Eles acenam com algum tipo de assistencialismo que, não há dúvida, é necessário nessa situação de crise econômica que o país vive”, continuou.

“Por outro lado, a equipe do Ministério da Economia ainda não conseguiu encontrar a fórmula de como gastar mais de um lado e fazer cortes de gastos do outro.”

Mais Recentes da CNN