Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    Ação da Robinhood salta 12% após corte de funcionários e com prejuízo menor que esperado

    Receita da empresa caiu 44% no trimestre encerrado em 30 de junho

    Robinhood Markets
    Robinhood Markets 29/07/2021REUTERS/Andrew Kelly

    Manya SainiHannah Langda Reuters

    Por Manya Saini e Hannah Lang, da Reuters

    As ações da Robinhood Markets subiam mais de 12% na tarde desta quarta-feira (3), após a corretora anunciar na véspera cortes de empregos e um prejuízo trimestral menor do que o esperado por analistas.

    Por volta de 16h (horário de Brasília), as ações disparavam 12,1%, a US$ 10,35 cada.

    A receita da empresa caiu 44% no trimestre encerrado em 30 de junho, com os volumes de negociação diminuindo em relação ao ritmo frenético do mesmo período do ano passado, quando investidores de varejo usaram o aplicativo da companhia para injetar dinheiro nas chamadas “ações meme”.

    No entanto, os investidores receberam positivamente a decisão de Robinhood de reduzir as despesas por meio de outra rodada de demissões, que diminuirá o quadro de funcionários em 23%, após corte de 9% dos funcionários em período integral no início deste ano. A empresa também disse que mudará sua estrutura organizacional para aumentar a disciplina de custos.

    A Robinhood registrou um prejuízo líquido de US$ 295 milhões no segundo trimestre. Excluindo os encargos de reestruturação, a empresa teve um prejuízo de uS$ 0,32 por ação, contra estimativas de analistas de um prejuízo de US$ 0,37, de acordo com dados do IBES, da Refinitiv.

    Analistas destacaram a tentativa de Robinhood de controlar suas despesas, sugerindo que a medida pode ser positiva para as ações.

    “Acreditamos que essas reduções de custos provavelmente levarão a empresa à lucratividade no curto prazo e podem elevar as ações”, escreveram analistas do Goldman Sachs em nota.

    Os papéis da Robinhood, que foram vendidos a US$ 38 por ação em sua oferta pública inicial (IPO) no ano passado, caíram mais de 70% desde sua estreia na bolsa norte-americana Nasdaq.

    Assim como outras empresas de tecnologia de alto crescimento, a Robinhood ainda não obteve lucro desde sua estreia no mercado, embora alguns analistas tenham considerado o anúncio de terça-feira como um sinal positivo de que a empresa está em uma trajetória ascendente.

    Robinhood é uma das muitas fintechs que começaram a cortar empregos antes de uma esperada recessão econômica, juntamente com a exchange de criptomoedas Coinbase, a empresa de compre agora, pague depois Klarna e a plataforma NFT OpenSea.