Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    Acionistas aprovam unificação das ações da Americanas e Lojas Americanas na B3

    Papéis LAME3 e LAME4 serão negociados até 21 de janeiro, e depois convertidos em AMER3

    Atuais detentores do papel LAME3 terão direito ao recesso da ação entre os dias 14 de dezembro e 13 de janeiro
    Atuais detentores do papel LAME3 terão direito ao recesso da ação entre os dias 14 de dezembro e 13 de janeiro SOPA Images/LightRocket via Getty

    João Pedro Malardo CNN Brasil Business

    em São Paulo

    Os acionistas da Americanas, antiga B2W, aprovaram em Assembleia Geral Ordinária na sexta-feira (10) uma nova estrutura societária a partir da fusão com a atual holding da empresa, a Lojas Americanas. Com isso, as ações das companhias serão unificadas em uma só na B3 a partir de 26 de janeiro de 2022.

    A medida já havia sido antecipada pela Lojas Americanas em outubro deste ano, com impacto positivo nas ações à época. Um laudo de avaliação encomendado pela empresa avaliou o patrimônio líquido da Lojas Americanas em R$ 10,344 bilhões, enquanto o patrimônio líquido da Americanas foi avaliado em R$ 25,877 bilhões.

    Com a aprovação, começa o processo de unificação acionária. As ações LAME3 – ordinária – e LAME4 – preferencial – da Lojas Americanas serão negociadas na B3 pela última vez no dia 21 de janeiro. Depois disso, serão convertidas em 26 de janeiro em 0,188964 ação AMER3 cada.

    Os atuais detentores do papel LAME3 terão direito ao recesso da ação entre os dias 14 de dezembro e 13 de janeiro, recebendo uma quantia em dinheiro equivalente. Também no dia 13 de janeiro, começará o processo operacional de consolidação das bases societárias.

    Outra mudança aprovada na assembleia, que já havia sido anunciada anteriormente, fará com que o atual controlador da Lojas Americanas se torne um acionista de referência na Americanas, com 29,5% do capital, abrindo mão do controle acionário sem prêmio.

    De acordo com comunicado da Americanas, a mudança envolve uma reorganização que “melhora a governança corporativa, aumenta a liquidez de AMER3, elimina o desconto de holding de LAME3 e LAME4 e reforça o entendimento da companhia pelo mercado”.

    A Americanas é a antiga B2W, empresa criada a partir da fusão entre os sites de compras Shoptime, Americanas.com e Submarino.

    A mudança de nome ocorreu em julho de 2021, em meio ao processo de fusão dos ativos físicos da Lojas Americanas com os digitais da companhia.

    A princípio, as ações LAME3 e LAME4 tinham sido mantidas na B3 como “veículos de investimento”, mas a ideia foi revertida após alguns meses.