Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    Alta do petróleo deve inflacionar outros produtos, diz economista

    Setor de embalagens, construção civil e indústria automobilística já sentem o aumento nos preços de suas matérias-primas

    Construção civil
    Construção civil Tânia Rego/Agência Brasil

    Produzido por Juliana Colomboda CNN

    em São Paulo

    Desde o início do conflito entre a Rússia e a Ucrânia, o preço do barril do petróleo vem oscilando bastante, fazendo com que a Petrobras fizesse uma revisão para cima dos preços do GLP, da gasolina e do diesel.

    No entanto, o economista e pesquisador da FGV Ibre André Braz disse ao CNN Money, nesta terça-feira (5), que não são somente os derivados do petróleo que devem ser impactados com as variações da commodity.

    “Entre os derivados do petróleo, existem produtos que não têm o preço controlado e seguem as leis do mercado. Eles também podem apresentar reajuste e, assim, aumentam seus preços”, afirmou.

    Segundo o pesquisador da FGV, esses aumentos já estão acontecendo em diversos setores da economia brasileira.

    “Vários segmentos da atividade econômica, como o setor de embalagens, construção civil, indústria automobilística e outros já podem perceber aumento no preço de suas matérias-primas, em função do comportamento do preço do petróleo”, destacou.

    Texto publicado por Fabricio Julião