Bolsonaro sanciona lei que exige seguro para entregadores de aplicativos

Apólices não deverão ter franquia e devem cobrir acidentes pessoais, invalidez permanente ou temporária e morte