Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    Estamos em ponto de inflexão em que fazer mais no fiscal pode ter efeito contrário, diz Campos Neto

    Em evento promovido pela BlackRock Brasil, presidente do Banco Central, voltou a dizer que melhora da inflação no país é incipiente

    da Reuters

    O país está em um ponto no qual fazer mais que o necessário na área fiscal pode ter efeito contrário e impactar as pessoas que mais precisam, disse nesta quarta-feira o presidente do Banco Central, Roberto Campos Neto, defendendo a necessidade de equacionar necessidade sociais e gerar equilíbrio fiscal.

    Em evento promovido pela BlackRock Brasil, Campos Neto voltou a dizer que a melhora da inflação no país é incipiente e que o BC vai persistir, sendo importante levar a inflação à meta.

    Na área fiscal, ele disse que não explicar bem o programa de gastos que será implementado no país gera incerteza e acaba diminuindo a capacidade do governo de realizar despesas.