Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    Governo quer votar apostas esportivas e offshores na próxima semana

    Propostas são essenciais para o governo conseguir aumentar a arrecadação e manter zerar o déficit nas contas públicas; viagem de Senadores para a COP 28 preocupa

    Prédio do Congresso Nacional, em Brasília
    Prédio do Congresso Nacional, em Brasília 19/03/2021 - REUTERS/Ueslei Marcelino

    Caroline Rositoda CNN

    O governo corre contra o tempo para tentar avançar com dois textos cruciais para aumentar a arrecadação em 2024.

    A ideia é votar na terça-feira (28) o projeto de lei que trata da taxação das offshores e dos fundos exclusivos e, já no dia seguinte, a proposta que regulamenta e tributa o mercado de apostas esportivas e cassinos online.

    O acordo está sendo debatido pelos líderes partidários em reunião com o presidente do Senado, Rodrigo Pacheco (PSD-MG), na manhã desta quinta-feira (23).

    Os dois projetos foram aprovados pela Comissão de Assuntos Econômicos (CAE) do Senado nesta quarta-feira (22).

    Líderes partidários estão preocupados, no entanto, com a viagem de alguns senadores à Conferência das Nações Unidas para o Clima (COP-28), em Dubai, nos Emirados Árabes Unidos, que pode atrasar os trabalhos. O encontro acontecerá entre os dias 30 de novembro e 12 de dezembro.

    O próprio relator da matéria, senador Alessandro Viera (MDB-CE), estará na conferência. O receio é de o assunto ficar parado na Casa enquanto os parlamentares estiverem em viagem oficial.

    Mas líderes afirmaram após reunião nesta quinta-feira (23) que é possível acelerar e votar tudo em duas sessões, já que a maioria só deve viajar a partir de quinta-feira (30).

    Veja também: Disputa no governo sobre meta fiscal isola Rui Costa e faz Haddad ganhar apoios