Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    Líder chinês promete políticas fiscal “proativa” e monetária “prudente”

    Objetivo é garantir "progresso econômico constante"

    Gabriel Bueno da Costa, do Estadão Conteúdo

    O Politburo do Partido Comunista da China afirmou que o país terá uma política fiscal “proativa” e que a política monetária será “prudente”, a fim de garantir “progresso econômico constante”.

    A afirmação foi veiculada pela agência estatal Xinhua, que reportou sobre uma reunião do Politburo ocorrida na terça-feira (6) e liderada pelo presidente do país, Xi Jinping.

    O comando do país afirma que está atento à garantia de crescimento estável, com emprego e preços constantes.

    Ele também fala que as políticas em várias esferas devem ser mais bem coordenadas, enquanto a política contra a covid-19 “será otimizada para haver sinergia para o desenvolvimento de alta qualidade”.

    O texto da agência estatal diz que haverá ainda esforços ara ampliar a demanda doméstica.

    A reunião também enfatizou a necessidade de reforçar a resiliência das cadeias industriais e das cadeias de produção, fortalecendo a abertura em um alto nível e ampliando esforços para atrair e utilizar investimento estrangeiro.