Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    Lufthansa cancela 800 voos na Alemanha após sindicato de pilotos anunciar greve

    Funcionários reivindicam aumento salarial de 5,5% até o fim do ano e mais compensações "acima da inflação" em 2023, disse a companhia

    Lufthansa: Segundo a empresa, mais cancelamentos são possíveis para sábado e domingo
    Lufthansa: Segundo a empresa, mais cancelamentos são possíveis para sábado e domingo Divulgação/Lufthansa

    Gabriel Caldeira, do Estadão Conteúdo

    A companhia aérea alemã Lufthansa terá de cancelar 800 voos na sexta-feira (2) em aeroportos de Munique e Frankfurt por conta de uma greve organizada pelo sindicato de pilotos da Alemanha, informou a empresa em seu site.

    Os funcionários reivindicam aumento salarial de 5,5% até o fim do ano e mais compensações “acima da inflação” em 2023, diz a Lufthansa.

    A empresa, que ofereceu adicional de 900 euros, afirma que as demandas dos pilotos aumentariam em 40% os custos empregatícios dos próximos dois anos de funcionários que trabalham na cabine de comando dos aviões da Lufthansa.

    Com a falta de acordo, o sindicato optou por uma greve que durará o dia todo na sexta, afetando voos regulares e de frete aéreo da Lufthansa Cargo, subsidiária da empresa.

    O sindicato disse em um comunicado na quarta-feira (31) que as negociações falharam pois a Lufthansa não ofereceu uma proposta melhor.

    Segundo a empresa, mais cancelamentos são possíveis para sábado e domingo. Com informações de Dow Jones Newswires.