Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    Reduzir inflação no Brasil e desinflacionar serviços é desafio duro, diz diretor do BC

    É esperado que dinâmica de preços distensione daqui para frente, com convergência para meta a partir do primeiro ou segundo trimestre de 2024

    Sede do Banco Central em Brasília
    Sede do Banco Central em Brasília Reuters/Adriano Machado

    da Reuters

    O desafio para que as taxas de inflação reduzam no Brasil ainda é grande à frente, disse nesta sexta-feira (4) o diretor de Política Monetária do Banco Central, Bruno Serra, classificando a tarefa de segurar a alta de preços no setor de serviços como desafio duro.

    Em evento promovido pelo Bradesco Asset Management, Serra afirmou esperar que a dinâmica de preços distensione daqui para frente, com uma convergência da inflação para a meta a partir do primeiro ou segundo trimestre de 2024.

    Na apresentação, ele afirmou que o BC evita falar sobre política fiscal, principalmente num momento de transição de governo, mas afirmou que os mercados globais têm reagido mais fortemente a políticas de expansão de gastos públicos.