Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    Rússia manterá conversa com ONU sobre acordo de grãos no Mar Negro, diz Kremlin

    Também acrescentou que Moscou não fará nada para prejudicar seus próprios interesses

    Navios comerciais aguardam para transitar pelo Estreito de Bósforo, Mar Negro
    Navios comerciais aguardam para transitar pelo Estreito de Bósforo, Mar Negro Reuters/Umit Bektas

    da Reuters

    O Kremlin disse na quarta-feira que a Rússia continuaria as negociações com as Nações Unidas e outras partes no acordo de grãos do Mar Negro, e que Moscou não fará nada para prejudicar seus próprios interesses.

    Em uma ligação com repórteres, o porta-voz do Kremlin, Dmitry Peskov, disse: “O lado russo continuará os contatos com a ONU e outros representantes, na esperança de que os termos do acordo sejam cumpridos, afinal.” Ele acrescentou: “Claro, a Rússia não fará mais nada que seja contrário aos seus interesses.”

    A Rússia reclama que suas próprias exportações de alimentos e fertilizantes ainda enfrentam obstáculos significativos. Nas últimas semanas, ele repetidamente questionou se renovará o acordo negociado pela Turquia, que facilita as exportações agrícolas da Rússia e da Ucrânia via Mar Negro.

    Mais cedo, a porta-voz do Ministério das Relações Exteriores da Rússia, Maria Zakharova, disse que as negociações entre a Rússia e as Nações Unidas sobre o acordo do Mar Negro serão realizadas em Moscou na sexta-feira, com a ONU representada pela principal autoridade comercial Rebeca Grynspan.