Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    Sudeste concentra mais da metade das pequenas empresas do país, diz Sebrae-RJ

    Região é responsável por 51% dos pequenos negócios do país, com 9,2 milhões de empresas de pequeno porte

    Em todo o Brasil, 8,1 milhões de novos pequenos negócios foram abertos em 2020
    Em todo o Brasil, 8,1 milhões de novos pequenos negócios foram abertos em 2020 Foto: Marcello Casal Jr/Agência Brasil

    Iuri Corsinida CNN

    no Rio de Janeiro

    A região Sudeste concentra mais da metade das pequenas empresas do país. São 9,2 milhões de pequenos negócios ativos, o que corresponde a 51% destas empresas em território nacional. A região Sul aparece logo em sequência, com 19% das empresas, seguida do Nordeste (17%), Centro-Oeste (9%) e Norte (5%). Os dados são de um levantamento feito pelo Sebrae Rio, divulgado nesta segunda-feira (2).

    Os pequenos negócios englobam os microempreendedores individuais (MEIs), microempresas e empresas de pequeno porte. Segundo o levantamento, são 5,6 milhões de microempreendedores individuais na região Sudeste. São 3,5 milhões de trabalhadores atuando nessas empresas apenas na região.

    A pesquisa mostra que entre 2020, ano em que os dados começaram a ser levantados, e 2021, o número de pequenas empresas abertas na região sudeste cresceu 28%. Foi de 3,9 milhões para 5 milhões.

    Em todo o Brasil, 8,1 milhões de novos pequenos negócios foram abertos em 2020. No ano seguinte, o número saltou para 10,5 milhões. Somente nos primeiros três meses de 2022, 1,2 milhão de micro e pequenas empresas foram abertas. No Brasil, no mesmo período, foram 2,5 milhões.

    Segundo o diretor-superintendente do Sebrae Rio, Antonio Alvarenga, somente no ano passado 48% das empresas criadas no Brasil foram no Sudeste.

    “Apenas no primeiro trimestre deste ano, 1,2 milhão dos pequenos negócios foram abertos na região. A nossa missão é que os empresários tenham maturidade dentro das suas empresas. Cinquenta e dois por cento das empresas com mais de três anos e meio estão por aqui. É uma região importante para a economia do país”, destacou.

    O Sudeste atualmente é responsável por 53% da participação do PIB brasileiro e, entre 2010 e 2019, seu Produto Interno Bruto teve crescimento de 80%. Somente em 2021, ainda conforme os dados do Sebrae, 46% das vagas de emprego com carteira assinada geradas pelas micro e pequenas empresas estavam no Sudeste. Foram 980 mil empregos gerados.