Festival de Cannes é adiado por pandemia de coronavírus


Da CNN Brasil. em São Paulo
19 de março de 2020 às 18:00 | Atualizado 19 de março de 2020 às 19:35
festival de cannes

Homem passa por desenho da Palma de Ouro próximo ao prédio que sedia o festival em Cannes  (18.mar.2020)

Foto: Eric Gaillard/Reuters

Os organizadores do festival de cinema de Cannes, na França, anunciaram nesta quinta-feira (19) o adiamento do evento deste ano, previsto para acontecer entre os dias 12 e 23 de maio, devido à pandemia do novo coronavírus. 

Segundo a nota, “várias opções são levadas em consideração para preservar seu acontecimento, com a principal sendo um simples adiamento, em Cannes, até o fim de junho ou começo de julho de 2020.”

“Neste momento de crise de saúde global, nossos pensamentos vão para as vítimas de COVID-19, e expressamos nossa solidariedade com todos aqueles lutando contra a doença”, declarou a organização de Cannes, deixando claro que as próximas decisões sobre o festival dependem do desenvolvimento da situação e serão compartilhadas com a imprensa imediatamente. 

O júri da 73ª edição do festival de Cannes, responsável por distribuir os prêmios do evento, será presidido pelo diretor Spike Lee, responsável por filmes como "Infiltrado na Klan" e "Malcolm X". Ele substitui o mexicano Alejandro G. Iñárritu, vencedor do Oscar de melhor diretor por "Birdman" e "O Regresso", em 2015 e 2016. 

Nem os filmes indicados para o troféu principal de Cannes, a Palma de Ouro, nem os concorrentes para prêmios secundários já foram anunciados pela organização.