Tony Awards é adiado por conta do novo coronavírus


Da CNN
25 de março de 2020 às 18:35
O 74º Tony Awards, programado para 7 de junho deste ano, foi adiado em meio a preocupação com a pandemia do novo coronavírus, de acordo com um comunicado das produtoras da premiação, a Broadway League e a American Theatre Wing. 

O evento, considerado o "Oscar" do teatro americano, homenageia os melhores do ano na Broadway e é realizado no Radio City Music Hall, em Nova York, estado que concentra o maior pico de casos do novo coronavírus nos Estados Unidos, com mais de 17 mil casos confirmados.

"A saúde e a segurança da comunidade da Broadway, artistas e fãs são de maior importância para nós", afirmou o comunicado da Tony Awards Productions.
 
Uma nova data para a premiação ainda não foi definida, mas a decisão será tomada "em coordenação" com a parceira de transmissão da festa, o canal de televisão CBS, de acordo com o comunicado.
 
"Anunciaremos novas datas e informações adicionais assim que a Broadway abrir novamente", acrescentou o texto. "Estamos ansiosos para celebrar a Broadway e nossa indústria quando for seguro fazê-lo."

Vencedor do Tony é vítima do COVID-19 

Entre as vítimas da pandemia nos Estados Unidos, está um ganhador de quatro prêmios Tony: o dramaturgo Terrence McNally. O artista morreu na última terça-feira (24), aos 81 anos, por complicações causadas pelo novo coronavírus. McNally produziu diversos espetáculos da Broadway, entre eles "O Beijo da Mulher Aranha" (1995) e "RagTime" (1998), que receberam o troféu da premiação.