CBF consegue liminar no TST e jogo entre Palmeiras e Flamengo é disputado

Duelo no Allianz Parque pelo Campeonato Brasileiro começou com cerca de 20 minutos de atraso

Da CNN
27 de setembro de 2020 às 15:40 | Atualizado 27 de setembro de 2020 às 16:32
Jogo entre Palmeiras e Flamengo, no Allianz Parque, foi confirmado
Foto: Reprodução/ Palmeiras/ Twitter

A Confederação Brasileira de Futebol (CBF) conseguiu uma liminar no Tribunal Superior do Trabalho (TST), na tarde deste domingo (27), e a partida entre Palmeiras e Flamengo foi liberada para ser disputada pelo Campeonato Brasileiro.

A liminar foi concedida pelo vice-presidente do TST, ministro Vieira de Mello Filho.

O Palmeiras manteve a programação dos jogadores e iniciou sua preparação no estádio antes mesmo da CBF conseguir a liminar. O Flamengo, por sua vez, deixou o hotel sem tempo para iniciar a preparação no estádio - o duelo, marcado para as 16 horas deste domingo, começou com atraso de cerca de 20 minutos.

Leia também:
Estádios de futebol não receberão torcida nos próximos 30 a 40 dias, diz Feldman
Chicão sobre surto de Covid-19 no Flamengo: 'Está colhendo o que plantou'

O duelo entre os dois clubes chegou a ser adiado no sábado (26), após o Sindicato dos Empregados em Clubes, Federações e Confederações Esportivas e Atletas Profissionais do Estado do Rio de Janeiro (Sindiclubes) conseguir uma liminar no Tribunal Regional do Trabalho do Rio de Janeiro (TRT-RJ).

O pedido foi feito após o surto de casos de coronavírus no time do Flamengo. Pelo menos 33 dos 55 funcionários do clube – entre atletas, técnicos e membros da comissão técnica – que viajaram ao Equador, pela Copa Libertadores – foram contaminados pela Covid-19. Na terça-feira (22), após impasse, o Flamengo enfrentou o Barcelona de Guayaquil pela 4ª rodada da fase de grupos da Libertadores e venceu por 2 a 1.

A CBF tentou reverter a liminar no próprio TRT-RJ, mas o pedido foi negado neste domingo. A entidade, então, apelou ao TST. O Sindicato dos Atletas do Rio (Saferj) também tinha conseguido uma liminar proibindo atletas do Flamengo de treinarem durante 15 dias.

Veja a decisão do TST

 

Liminar do TST autorizou realização da partida entre Flamengo e Palmeiras, em São Paulo
Foto: Reprodução/ TST

Problema com datas

Em entrevista para a CNN neste domingo, o secretário-geral da Confederação Brasileira de Futebol (CBF), Walter Feldman, afirmou que a entidade teria problemas para remarcar o duelo se não conseguisse a liminar.

“Temos sido muito rígidos porque se suspendermos partidas vai comprometer a realização total do campeonato”, afirmou.

Outros clubes

O Goiás também teve problemas com um surto de coronavírus no início do Brasileirão e chegou a ter 18 desfalques nos jogos contra Athletico-PR e Palmeiras. Em nota, o clube criticou a disputa de liminares. “O que queremos é que as regras e os benefícios sejam de todos e para todos, e não haja privilégios”.

Pelo Twitter, o presidente do Corinthians, Andrés Sanchez, afirmou que se o jogo entre Palmeiras e Flamengo não tivesse ocorrido, o clube iria pedir a paralisação do Brasileirão. “O maior problema do futebol é quando um clube só pensa nele e em mais nada. Suspender um jogo é suspender o protocolo que todos toparam. Melhor paralisar o campeonato inteiro então.”

(Com informações de Isabelle Resende, da CNN, no Rio de Janeiro)