Com gol contestado, Bayern bate Tigres e é campeão mundial

Clube alemão venceu competição internacional pela quarta vez na história, coroando temporada perfeita

Guilherme Venaglia, da CNN, em São Paulo
11 de fevereiro de 2021 às 18:15 | Atualizado 11 de fevereiro de 2021 às 19:34

 O Bayern de Munique, da Alemanha, venceu o Tigres, do México, por 1 a 0, em partida disputada na tarde desta quinta-feira (11), sendo campeão mundial de clubes pela quarta vez na história. A vitória magra dos alemães sobre os mexicanos veio aos 13 do segundo tempo, com um gol controverso de Pavard.

O lateral francês do Bayern marcou aproveitando uma sobra de bola do colega Robert Lewandowski. Acontece que há questionamentos duplos a respeito do polonês: imagens apontam que ele tocou com o braço na bola durante a disputa e poderia estar impedido.

Seja como for, a vitória no Catar coroa o ano dos sonhos do time treinado por Hans Dieter-Flick, que nesta mesma temporada venceu o Campeonato Alemão, a Copa da Alemanha, a Liga dos Campeões e as supercopas da Alemanha e da Europa.

Cada um dos times finalistas contou com um jogador brasileiro em campo. Do lado do Tigres, o volante Rafael Carioca. Do lado do Bayern, Douglas Costa entrou no decorrer da partida e terminou os 90 minutos em campo pelos alemães.

Bayern de Munique campeão mundial
Pavard, autor do gol do Bayern, com a taça de campeão mundial
Foto: Twitter/FC Bayern

O Palmeiras ficou de fora do pódio do Mundial da FIFA. O clube brasileiro, eliminado pelo Tigres na semifinal, foi derrotado novamente, desta vez pelo Al Ahly, do Egito. Nos pênaltis, o time africano venceu o Palmeiras e ficou com o terceiro lugar do Mundial.