Mesmo após final do Carioca, não há previsão para público nos estádios do Rio

A liberação de eventos como jogos de futebol com público depende do avanço da vacinação, diz secretário de saúde

Pedro Duran, Da CNN, no Rio
21 de maio de 2021 às 21:36 | Atualizado 22 de maio de 2021 às 12:39

 

A retomada do público no Maracanã e demais estádios do Rio de Janeiro ainda está longe de ser realidade. O secretário municipal de saúde, Daniel Soranz, disse à CNN que a liberação de eventos como jogos de futebol com público depende do avanço da vacinação e da curva decrescente da Covid-19. Nesse sentido ela poderia vir “daqui uma semana ou daqui três meses”, defendeu ele à CNN.

A pasta comandada por Soranz multou a administração do Maracanã em R$14 mil pela presença de mais de 140 convidados no jogo de ida da final do campeonato carioca, realizado entre Flamengo e Fluminense no dia 15 de maio. Os dois são administradores do estádio e terão de pagar a conta.

 

Neste sábado, no jogo de volta, nenhum convidado foi autorizado, apesar do pedido da federação que representa os clubes, a Ferj. Caso o estádio tenha novas cenas de aglomeração, pode voltar a ser autuado por “infração sanitária gravíssima”. O Fluminense sempre se manifestou contra a presença de torcedores nos jogos.

O governador do Rio de Janeiro, Cláudio Castro, também não vê perspectiva para a liberação. Ele disse à CNN que conversou nesta semana com o prefeito da capital fluminense, Eduardo Paes, sobre o assunto. “Eu acho importantíssimo olhar a pressão que a pandemia está fazendo na atenção básica e aí nesse caso é a prefeitura que tem mais como entender”, disse.

“O que a gente tem visto é uma tendência de queda, mas esse vírus tem uma forma de se espalhar muito traiçoeira então acho que se o prefeito achou é porque o prefeito deve ter algum dado na rede municipal que a gente no estado acaba não enxergando”, completou. Ele citou a regra estabelecida pelo Supremo Tribunal Federal no início da pandemia de que o ente federativo que tiver regras mais restritivas acaba se impondo para explicar que a decisão cabe à gestão de Paes.

Flamengo e Fluminense disputam a final do campeonato carioca na noite deste sábado, às 21h05. Eles empataram em 1 a 1 na primeira partida.

Estádio do Maracanã enfeitado com faixas para a final do Carioca
Foto: Pedro Duran/CNN