Clubes paulistas voltam aos treinos com bola nesta quarta-feira

Times precisam seguir protocolo de higiene

Iara Oliveira, da CNN, em São Paulo

Ouvir notícia
 

Começa nesta quarta-feira (1) os treinos com bola nos clubes do futebol paulista. A autorização para a volta das atividades com restrições nos CTs (centros de treinamento) foi feita pelo Governo do Estado de SP e vale para times da capital e do interior.

O protocolo a ser seguido pelos clubes foi elaborado pela Comissão Médica da Federação Paulista de Futebol, presidida pelo médico Moisés Cohen em conjunto com os médicos dos clubes a partir das recomendações da OMS (Organização Mundial da Saúde).

Os locais de treinamento passaram por um detalhado processo de higienização padronizado. Ou seja, é o mesmo protocolo seguido em São Paulo e nos clubes do interior paulista, mesmo em cidades em que haja menor índice de contaminação pelo novo coronavírus.

Todos os envolvidos nos treinamentos (atletas, comissão técnica e demais profissionais) foram testados antes do início das atividades e a cada mudança de fase de treinos. É obrigatório o uso de máscaras a todos, exceto aos atletas durante as atividades físicas. Os clubes se comprometeram a realizar um processo constante de educação e reforço sobre as medidas de prevenção à doença a todos os profissionais.

Leia também:

Messi marca pelo Barcelona e chega a 700 gols na carreira

Copa Africana das Nações é adiada para 2022

“O Palmeiras tem realizado teste de alta confiabilidade no mercado, tanto de PCR quanto de sorologia. Agora, nosso departamento médico liderado pelo Gustavo Magliocca e Pedro Pontin, em conjunto com o Hospital Sírio-Libanês realizado testes genéticos com alta confiabilidade através da saliva. Uma periodicidade bem interessante de dois em dois dias. Aqueles que eventualmente testem positivo serão isolados, serão acompanhados, realizarão testes e cumprirão tempo para que não haja risco de contaminação de outros membros do departamento de futebol e atletas” explica Daniel Gonçalves, coordenador científico do Palmeiras.

A retomada dos treinos respeitou as recomendações de distanciamento físico, iniciando com trabalhos individuais, ao ar livre. Todos os profissionais fazem uso de equipamentos de hidratação individuais e os envolvidos nos treinamentos têm que manter uma rotina de isolamento social, em que só estão permitidos os trajetos casa-treino-casa.

Testagem

Visando o retorno gradual das atividades esportivas, os clubes de futebol em São Paulo realizam desde meados de junho a testagem de atletas, funcionários, comissão técnica e familiares dos jogadores.

Neste processo, o Corinthians foi o time paulista que mostrou o maior índice de infectados pelo novo coronavírus. O clube teve 21 de seus 28 jogadores testados com exame positivo para a Covid-19.

Desses, oito atletas, todos assintomáticos, permaneciam em isolamento e passaram na última segunda-feira (29) por novos exames sorológicos para medir o estágio da doença e conforme os resultados foram liberados para treinar no CT Joaquim Grava.

Preparação

Desde o dia 22, os clubes tiveram a liberação do governo do estado e SP mediante o aval do Comitê de Contingência do Coronavirus para a realização de treinos de preparação que incluiam testes: clínicos, físicos e fisiológicos.

O Campeonato Paulista foi interrompido em março por conta da pandemia da Covi-19 quando os participantes disputavam a décima rodada da competição, faltam portanto, duas rodadas para definir os classificados para a fase eliminatória.

Mais Recentes da CNN