Ex-presidente do COI Jacques Rogge morre aos 79 anos

A causa de morte de Rogge, que foi o oitavo presidente do COI, com um mandato de 2001 a 2013, não foi informada

Rogge foi presidente do COI por 12 anos
Rogge foi presidente do COI por 12 anos Richard Juilliart/COI/Divulgação

Tamires Vitorioda CNN

em São Paulo

Ouvir notícia

O Comitê Olímpico Internacional (COI) anunciou neste domingo (29), a morte de seu ex-presidente, Jacques Rogge, aos 79 anos de idade. A causa de morte de Rogge, que foi o oitavo presidente do COI, com um mandato de 2001 a 2013, não foi informada.

O Comitê afirma, em seu site oficial, que Rogge era cirurgião ortopédico formado em medicina esportiva, ele foi campeão belga de rúgbi e venceu 16 vezes o campeonato mundial de vela. No último esporte, competiu em três edições dos Jogos Olímpicos, em 1968, 1972 e 1976, na classe Finn.

Em nota, o atual presidente do COI, Thomas Bach, afirmou que “a alegria de Rogge no esporte era contagiante”.

“Ele foi um presidente talentoso, ajudando a modernizar e transformar o COI. Ele será lembrado principalmente por ser o campeão do esporte juvenil e pela inauguração dos Jogos Olímpicos da Juventude. Ele também foi um defensor ferrenho do esporte limpo e lutou incansavelmente contra os males do doping”, disse. “Todo o Movimento Olímpico lamentará profundamente a perda de um grande amigo e um apaixonado fã do esporte”.

Para demonstrar respeito ao ex-presidente, “a bandeira olímpica será hasteada a meio mastro por cinco dias na Casa Olímpica, no Museu Olímpico e em todas as propriedades do COI”.

“A família pediu que sua privacidade seja respeitada neste momento, enquanto eles choram por sua perda, e que qualquer comunicação durante esse período seja feita por meio do COI”, afirmou o comitê.

Rogge foi casado com Anne e deixa um filho, uma filha e dois netos.

Mais Recentes da CNN