Dança dos técnicos: entenda as movimentações de Atlético-MG, Flamengo e Cruzeiro

Tanto no Brasil quanto na Europa, saídas e chegadas de treinadores estão agitando as torcidas

Jorge Jesus, Cuca e Paulo Sousa
Jorge Jesus, Cuca e Paulo Sousa Valentyn Ogirenko/Reuters, Reprodução/Atlético-MG e Aleksandra Szmigiel/Reuters

Cleber Souzada CNN

em São Paulo

Ouvir notícia

A dança dos técnicos movimenta o mercado da bola nesta semana que antecede 2022. Tanto no Brasil quanto na Europa, saídas e chegadas de treinadores estão agitando as torcidas de Atlético Mineiro, Cruzeiro, Flamengo, Internacional e Benfica.

No Brasil, Cuca está deixando o Galo por “decisão pessoal”, após conquistar o Brasileirão e a Copa do Brasil de 2021. Ainda em Belo Horizonte, o técnico Vanderlei Luxemburgo e outros três integrantes da comissão técnica do Cruzeiro foram demitidos do clube.

No Rio Grande do Sul, o Internacional de Porto Alegre confirmou a contratação de Alexander Medina para o cargo de treinador. No Rio de Janeiro, a expectativa fica pelo anúncio oficial do novo comandante do Flamengo. Já em Portugal, Jorge Jesus não é mais o técnico do Benfica.

Entenda as movimentações do mercado da bola:

Jorge Jesus fora do Benfica

No início da tarde desta terça-feira, o Benfica anunciou a saída de Jorge Jesus. Segundo comunicado do clube, as duas partes chegaram a comum acordo para a rescisão do vínculo. Jesus tinha contrato até junho de 2022.

Segundo a CNN de Portugal, os nomes de Pirlo, Paulo Fonseca e Renato Paiva são os mais cotados para assumir o lugar de Jorge Jesus.

Flamengo e Paulo Sousa

Antes de deixar o Benfica, Jesus também foi sondado por dirigentes do Flamengo. O rubro-negro, vice-campeão da Libertadores, procura um técnico para o lugar de Renato Gaúcho.

Apesar do desejo da torcida flamenguista pelo acerto com Jesus, o rubro-negro está perto de anunciar o também português Paulo Sousa, que tenta acertar sua rescisão contratual com a seleção da Polônia, que disputa a repescagem para a Copa do Mundo do Catar.

Saída Cuca do Atlético Mineiro

O Atlético Mineiro confirmou nesta tarde que Cuca não é mais o técnico do time. Segundo nota publicada nas redes sociais, a saída do treinador se deu após uma “decisão pessoal” de Cuca, que alegou questões familiares para serem focadas.

“Cuca alegou motivos pessoais, de ordem familiar, e disse que sua decisão era irretratável, apesar das seguidas tentativas dos dirigentes em demovê-lo e buscar um caminho no qual fosse possível conciliar as questões particulares com o trabalho”, diz o informe do Galo.

Jorge Jesus assume o Galo?

Após a saída de Cuca, o Atlético-MG agora se concentra na busca por um novo treinador. A CNN Brasil apurou que o clube sondou o português Jorge Jesus, que deixou o Benfica, de Portugal.

O acerto, no entanto, é considerado difícil. O Atlético-MG não abre mão de continuar com sua comissão técnica fixa, que trouxe ao clube os títulos do Brasileirão e da Copa do Brasil deste ano. Jorge Jesus gostaria de trazer sua comissão particular, composta por oito pessoas.

Fotos: campeões no esporte em 2021

Luxa fora do Cruzeiro

O Cruzeiro anunciou a saída de Vanderlei Luxemburgo e de toda a atual comissão técnica. A demissão faz parte das ações do Comitê de Transição, que orientou a não renovar com a atual comissão. Em nota, o clube afirmou que uma nova comissão técnica será anunciada nos próximos dias.

Nas redes sociais, Luxemburgo publicou um vídeo em que diz receber a notícia “com muita tristeza porque não era uma coisa que eu queria”, afirma. “Mas aceitarei qualquer decisão que for tomada pela nova gestão do Cruzeiro”, diz, antes de agradecer à torcida.

Além de Luxemburgo, saem também o auxiliar Maurício Copertino, o diretor técnico Ricardo Rocha e o preparador Antônio Mello.

No dia 18 de dezembro, foi anunciado que o ex-jogador Ronaldo Fenômeno se tornou o sócio majoritário do time que o revelou. A transação custou R$ 400 milhões de reais em investimentos e fez o astro do time adquirir 90% das ações da Sociedade Anônima do Futebol (SAF) do Cruzeiro.

O formato foi aprovado por lei, em agosto deste ano, a fim de permitir que clubes brasileiros podem virar empresas para aumentar sua captação de recursos.

Novo técnico uruguaio no Internacional

O Internacional anunciou nesta segunda-feira (27) a contratação de Medina como novo treinador. O comunicado foi feito no Twitter, com postagem que remete ao apelido do técnico, ex-Talleres, da Argentina. O profissional uruguaio substitui Diego Aguirre, demitido ao final do Campeonato Brasileiro.

(Com informações de Andre Rigue, Giovanna Galvani e Leonardo Lopes, da CNN Brasil, e da Reuters)

Mais Recentes da CNN