Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    Governo do Rio de Janeiro publica edital de concessão do Complexo do Maracanã

    Licitação deve ocorrer em 27 de outubro; complexo inclui estádio do Maracanã e ginásio Maracanãzinho

    Estádio do Maracanã, no Rio de Janeiro
    Estádio do Maracanã, no Rio de Janeiro Tânia Rêgo/Agência Brasil

    Cristina Índio do Brasilda Agência Brasil

    Ouvir notícia

    O governo do estado do Rio de Janeiro publicou nesta quinta-feira (28) o edital de concessão do Complexo Maracanã. O projeto, coordenado pela Secretaria de Estado da Casa Civil, tem uma modelagem inédita, que resultou de muito diálogo com a sociedade e os clubes cariocas, segundo o governo.

    O edital define que a concorrência pública será do tipo melhor proposta “em razão da combinação dos critérios de melhor técnica com maior oferta pela outorga da concessão, com a finalidade de selecionar a proposta mais vantajosa, apresentada por pessoa jurídica ou consórcio de pessoas jurídicas, para a celebração de contrato de concessão de uso de bem público para fins de exploração econômica, gestão, operação e manutenção do Complexo Maracanã”.

    A licitação foi marcada para o dia 27 de outubro, às 10h, e o vencedor vai explorar o complexo, que inclui o estádio do Maracanã e o ginásio Maracanãzinho, pelos próximos 20 anos.

    Os interessados em participar da concessão podem agendar visitas técnicas às instalações para conhecer o espaço, de forma a ter mais condições de elaborar estudos e projetos.

    Audiência

    No dia 21 de outubro do ano passado, o governo realizou uma audiência pública, com a participação de representantes dos clubes cariocas, de integrantes de empresas interessadas na concessão, além da sociedade e entidades ligadas ao esporte.

    “No encontro, eles tiraram dúvidas e deram sugestões sobre o processo. Todas as sugestões feitas na audiência foram analisadas e ajudaram na construção do documento final”, informou a secretaria.

    Para o secretário de estado da Casa Civil, Nicola Miccione, a concessão vai permitir que o Maracanã continue como um equipamento esportivo fundamental para o estado.

    “Realizamos diversos debates com todos os interlocutores desse processo e conseguimos construir um documento que garante que o Maracanã permaneça como um polo esportivo extremamente importante para o estado. Cuidamos do processo com total transparência e governança. O estádio é um equipamento que reflete a alma do Rio de Janeiro, e buscamos garantir o melhor para o turismo e o esporte do Rio”, disse.

    Clubes

    A assessoria institucional do Clube de Regatas Vasco da Gama disse que o clube “está estudando o edital e vai se manifestar no momento apropriado”.

    A assessoria do Fluminense disse que não vai se posicionar sobre o edital e a do Flamengo não respondeu aos pedidos de informação da Agência Brasil. Atualmente, esses dois clubes têm a responsabilidade pela gestão do Maracanã.

    Os documentos da concorrência pública e todas as informações sobre o certame estão disponíveis no site do governo.

    Mais Recentes da CNN