Halterofilista ganha primeiro ouro da história das Filipinas nas Olimpíadas

Hidilyn Diaz levantou 224 kg, um recorde olímpico, e superou rivais de China e Cazaquistão; esgrimista de Hong Kong leva 1º ouro do território em 25 anos

Da CNN, em São Paulo

Ouvir notícia

A halterofilista Hidilyn Diaz se tornou a primeira medalhista de ouro olímpica da história das Filipinas ao vencer, nesta segunda-feira (26), a categoria feminina de 55kg nas Olimpíadas de 2020.

Em sua quarta e provavelmente última participação nos Jogos, a jovem de 30 anos levantou um peso total de 224 kg, um recorde olímpico.

Depois de completar seu levantamento final em uma competição muito acirrada, Diaz levou as mãos ao rosto e começou a chorar antes de abraçar seus treinadores e agarrar o medalhão em seu pescoço.

No pódio, ainda chorando, ela se levantou e fez uma saudação militar enquanto cantava o hino nacional de seu país.

A chinesa Liao Qiuyun, que não conseguiu igualar seu próprio recorde mundial, levou a prata com 223 kg. Zulfiya Chinshanlo, do Cazaquistão, conquistou o bronze com 213 kg.

Chinshanlo ganhou a medalha de ouro nos Jogos de Londres, em 2012, mas em 2016 ela perdeu uma medalha depois de ser pega em um teste antidoping em uma segunda análise de amostras. 

Antes da conquista de Diaz, as Filipinas só tinham conquistados 10 medalhas olímpicas: 3 pratas – uma conquista por ela, no Rio, em 2016 – e 7 bronzes.

Primeiro ouro de Hong Kong em 25 anos

Ka Long Cheung, de Hong Kong, ouro na final individual masculina da esgrima
Ka Long Cheung, de Hong Kong, ficou com o ouro na final individual masculina da esgrima
Foto: Hassan Ammar – 26.jul.2021/AP

O esgrimista de Hong Kong Edgar Cheung conquistou a primeira medalha de ouro do território autônomo em 25 anos nesta segunda (26) ao derrotar o italiano Daniele Garozzo.

Cheung superou Garozzo – medalha de ouro nos Jogos de 2016 – por 15 a 11, se tornando também o primeiro esgrimista de Hong Kong a conquistar uma medalha em Olimpíadas.

“Devemos persistir, não podemos desistir facilmente”, disse o atleta, em entrevista após o trunfo na qual disse ainda estar incrédulo com o resultado. “Quero agradecer todo o povo de Hong Kong pelo apoio.”

Agora, Hong Kong tem duas medalhas de ouro na história dos Jogos Olímpicos, a primeira delas conquistada por Lee Lai-shan, em 1996, no windsurfe.

(Com informações de Eric Cheung e Wayne Sterling, da CNN, e da agência Reuters)

Mais Recentes da CNN