Inter vence na despedida de D’Alessandro e Flamengo supera São Paulo em casa

Segunda rodada do Brasileirão termina apenas com Corinthians e Atlético-MG tendo início perfeito

Andrés D'Alessandro, jogador do Internacional, comemora seu gol marcado sobre o Fortaleza durante partida válida pela segunda rodada do Campeonato Brasileiro no estádio Beira-Rio, em Porto Alegre (RS), na noite deste domingo
Andrés D'Alessandro, jogador do Internacional, comemora seu gol marcado sobre o Fortaleza durante partida válida pela segunda rodada do Campeonato Brasileiro no estádio Beira-Rio, em Porto Alegre (RS), na noite deste domingo Foto: Donaldo Hadlich/Código 19/Estadão Conteúdo

Leandro Silveiracolaboração para a CNN

Ouvir notícia

A segunda rodada do Campeonato Brasileiro foi concluída neste domingo com a despedida vitoriosa de um craque e a recuperação de equipes que haviam tropeçado na estreia.

Foi assim com o Flamengo, que brilhou ao fazer 3 a 1 no São Paulo, no Maracanã, e com o Internacional, que superou o Fortaleza por 2 a 1, de virada, dando um adeus festivo a D’Alessandro, que encerrou a sua carreira com vitória e gol marcado no Beira-Rio a dois dias de completar 42 anos.

O Botafogo também ganhou a primeira neste domingo, com dois gols de Erison, ao superar o Ceará por 3 a 1, no Castelão. E Santos – 2 a 1 no Coritiba – e Red Bull Bragantino – 4 a 0 no Atlético-GO –, também conquistaram o primeiro triunfo no Brasileirão.

Assim, o equilibrado início de competição tem apenas dois times com 100% de aproveitamento: o Corinthians, que no sábado fez 3 a 0 no Avaí, e lidera em função do saldo de gols superior – 5 a 3 – ao do Atlético-MG, que também ganhou os dois jogos que disputou, tendo derrotado o Athletico-PR por 1 a 0 neste domingo. O time paranaense, aliás, é uma das duas equipes sem pontos no Brasileirão – o outro é o Fortaleza.

Flamengo vence São Paulo com grande atuação

No Maracanã, o Flamengo ganhou pela primeira vez no torneio. Com uma bela atuação, derrotou o São Paulo por 3 a 1. Com isso, agora está com 4 pontos, na quarta posição.

O tricolor paulista, por sua vez, está com 3, na sétima colocação. Foi, também, o terceiro triunfo seguido da equipe rubro-negra sobre o São Paulo, em quem aplicou goleadas de 4 a 0 e 5 a 1 no Nacional de 2021.

Dessa vez, o placar não foi tão dilatado, mas o domínio acabou sendo parecido. O time até demorou a abrir o placar, o que aconteceu aos 25 minutos, com Gabriel. Artilheiro do Brasileirão, Calleri marcou pela quarta vez no torneio, aos 41, e igualou o placar, na única finalização do São Paulo que acertou a meta adversária em toda a partida.

O Flamengo, porém, conseguiu assegurar a vitória na etapa final, com gols de dois estrangeiros: o chileno Isla, que iniciou o duelo entre os reservas, marcou aos 24, e o uruguaio Arrascaeta, que fechou o placar em 3 a 1 aos 27 minutos.

Comemoração do gol de Isla, do Flamengo, marcado sobre a equipe do São Paulo durante partida válida pela 2ª rodada do Campeonato Brasileiro realizada no Estádio do Maracanã, na zona norte do Rio de Janeiro, na tarde deste domingo / Foto: Felipe Duest/Pera Photo/Estadão Conteúdo

Inter ganha na despedida de D’Alessandro

Na despedida dos gramados do ídolo D’Alessandro, o Inter respirou em meio a um cenário de crise. No Beira-Rio, o time gaúcho encerrou uma série de três tropeços na temporada ao derrotar o Fortaleza por 2 a 1.

O time gaúcho agora está com 3 pontos, em 13º lugar. Já o Fortaleza, vindo de quatro derrotas consecutivas, é o penúltimo colocado no Brasileirão, ainda sem pontuar.

Os gols da partida saíram no fim dos dois tempos. No primeiro, aos 51 minutos, Yago Pikachu converteu pênalti e colocou o Fortaleza em vantagem. Mas, aos 52, D’Alessandro marcou pela última vez na sua carreira, fechando a sua gloriosa passagem com a camisa colorada com 97 gols em 529 jogos.

Na etapa final, Pikachu perdeu pênalti logo no começo. E, aos 45 minutos, Alemão deu a vitória para o Inter.

Andrés D’Alessandro, jogador do Internacional, comemora seu gol marcado sobre o Fortaleza durante partida válida pela segunda rodada do Campeonato Brasileiro no estádio Beira-Rio, em Porto Alegre (RS), na noite deste domingo / Foto: Donaldo Hadlich/Código 19/Estadão Conteúdo

Sob os olhares de Bolsonaro, Santos vence na Vila

Na lotada Vila Belmiro, com ingressos esgotados na véspera e a presença do presidente Jair Bolsonaro em um dos camarotes, o Santos obteve a sua primeira vitória neste Brasileirão ao superar o Coritiba por 2 a 1. Assim, chegou aos 4 pontos, na 5ª colocação. Já o clube paranaense parou nos 3, em oitavo.

Os times fizeram um primeiro tempo eletrizante, com 21 finalizações e 3 gols. O primeiro gol foi marcado por Léo Baptistão, uma das novidades da escalação santista, aos 12 minutos. Léo Gamalho, de pênalti, igualou o placar aos 27. Mas aos 33, ao tentar cortar cruzamento de Lucas Pires, Henrique fez contra.

Maicon, do Santos, durante partida com o Coritiba válida pela 2ª rodada do Campeonato Brasileiro disputada no estádio da Vila Belmiro, em Santos (SP)LENITA RODRIGUES/O FOTOGRÁFICO/ESTADÃO CONTEÚDO / Foto: Lenita Rodrigues/O Fotográfico/Estadão Conteúdo

Erison dá vitória ao Botafogo na estreia de Luís Castro

Derrotado pelo Corinthians em sua estreia no Brasileirão, o Botafogo reagiu na estreia do técnico Luís Castro. No Castelão, superou o Ceará por 3 a 1, somando os três primeiros pontos no torneio e ascendendo ao décimo lugar, duas posições à frente do adversário deste domingo, também com três, mas atrás pelos critérios de desempate.

O Botafogo abriu o placar com Victor Sá, aos 17 minutos do primeiro tempo. Só que Lima igualou o placar aos 42. Na etapa final, o time carioca se impôs e definiu o triunfo com dois gols de Erison. Ele fez aos 14, de cabeça, e aos 34, em cobrança de pênalti. No fim, o Ceará ficou com dez jogadores em campo em função da expulsão de Lima.

Erison comemora gol do Botafogo durante partida entre Ceará x Botafogo , partida válida da 2° rodada do Campeonato Brasileiro, na noite deste domingo (17) na Arena Castelão / Foto: Caio Rocha/Framephoto/Estadão Conteúdo

Avassalador, Bragantino goleia em casa

Quem também ganhou a primeira no Brasileirão neste domingo foi o Red Bull Bragantino. E de modo avassalador, com 3 gols marcados em 30 minutos. Em casa, o time do interior paulista fez 4 a 0 no Atlético Goianiense, que perdeu uma invencibilidade de 13 jogos.

O Bragantino, assim, é o 3º colocado, com 4 pontos. E o time goiano, com apenas um, está em 18º.

Com gols de Ytalo, aos 19, Natan, aos 26, e Sorriso, aos 30 minutos, o Bragantino abriu 3 a 0 no primeiro tempo. E fechou a vitória aos 14 minutos da etapa final, com o gol de Léo Ortiz.

Comemoração do gol marcado por Sorriso, do Red Bull Bragantino, durante a partida contra o Atlético-GO válida pela segunda rodada do Campeonato Brasileiro realizada no Estadio Nabi Abi Chedid, em Braganca Paulista, no interior de Sao Paulo, na noite deste domingo / Foto: Leonardo Sguacabia/Thenew S2/Estadão Conteúdo

Resultados do sábado

A 2ª rodada do Brasileirão teve quatro jogos no sábado. Em casa, o Corinthians fez 3 a 0 no Avaí, enquanto o América-MG goleou o Juventude por 4 a 1. Goiás e Palmeiras ficaram no 1 a 1, com o Fluminense superando o Cuiabá por 1 a 0 na Arena Pantanal.

Agenda

O Brasileirão volta a ter compromissos na quarta-feira, quando o Flamengo receberá o Palmeiras, no Maracanã, em duelo antecipado da quarta rodada. Já a terceira jornada começará no sábado, com cinco jogos: Athletico-PR x Flamengo, Bragantino x São Paulo, Palmeiras x Corinthians, Fluminense x Internacional e Atlético-MG x Coritiba.

Outros três compromissos foram agendados para o domingo: Santos x América-MG, Juventude x Cuiabá e Atlético-GO x Botafogo. Avaí e Goiás vão duelar no dia 25 (segunda-feira), com a rodada só sendo concluída somente em 1º de junho, quando Fortaleza e Ceará se enfrentarão em clássico.

Mais Recentes da CNN