Palmeiras vence Corinthians com facilidade e Inter ganha na estreia de Mano

Alviverde ganhou a 1ª no Brasileirão, assim como o Athletico-PR, que derrotou o Flamengo

Dudu e Gustavo Gomez comemoram gol do Palmeiras durante a partida entre Palmeiras e Corinthians
Dudu e Gustavo Gomez comemoram gol do Palmeiras durante a partida entre Palmeiras e Corinthians ESTADÃO CONTEÚDO

Leandro Silveiracolaboração para a CNN

Ouvir notícia

Após um início titubeante no Campeonato Brasileiro, o Palmeiras conquistou a sua primeira vitória em grande estilo. Em Barueri, derrotou o Corinthians por 3 a 0, pela 3ª rodada, encerrando o início de competição perfeito do rival.

O sábado também foi de ineditismo para o técnico Mano Menezes ao estrear no Internacional com triunfo por 1 a 0 sobre o Fluminense, que ainda não havia sido vazado na competição e caiu no Maracanã.

O Athletico-PR também reagiu no Brasileirão e somou seus primeiros pontos, deixando a lanterna e a zona de rebaixamento, ao vencer o Flamengo por 1 a 0. E, no outro jogo já encerrado neste sábado, Red Bull Bragantino e São Paulo empataram por 1 a 1, no interior paulista.

Palmeiras massacra Corinthians em Barueri

Com uma grande atuação, o Palmeiras venceu o Corinthians com facilidade, por 3 a 0, ganhando a primeira no Brasileirão. O resultado levou o time alviverde aos 5 pontos. O time tem um jogo a mais e um ponto a menos do que o rival alvinegro, que parou nos seis.

O clássico foi disputado na Arena Barueri por causa da realização do show “Amigos” no Allianz Parque. E os rivais adotaram estratégias diferentes para o clássico, que atraiu 23.973 torcedores ao estádio: enquanto o Palmeiras escalou força máxima e apostou na velocidade de Gabriel Verón, o Corinthians deixou Renato Augusto, Willian e Fagner no banco, além de não ter contado com Cássio.

Mandante, o Palmeiras precisou de apenas 18 minutos para abrir 2 a 0, em lances idênticos: cobranças de escanteio de Raphael Veiga e desvio de cabeça para o gol na primeira trave.

Aos 13, foi Gustavo Gómez quem marcou. Depois, aos 18, Rony ampliou. Só aí, em larga desvantagem, o Corinthians equilibrou o jogo. Mas não chegou a ameaçar a meta defendida por Weverton.

Na etapa final, o técnico Vitor Pereira acionou titulares que estavam no banco. Porém, não conseguiu oferecer resistência ao Palmeiras. O time alviverde foi empilhando chances até marcar pela terceira vez, aos 25 minutos. Zé Rafael ganhou a bola no campo de defesa e lançou Dudu na ponta direita. O atacante cortou Raul Gustavo e bateu no canto, definindo o triunfo no clássico.

Inter ganha no Maracanã na estreia de Mano

No primeiro jogo sob o comando de Mano Menezes, o Inter conquistou sua segunda vitória no Brasileirão. Dessa vez, bateu o Fluminense por 1 a 0, em partida acompanhada, de uma das tribunas do Maracanã, por Tite, treinador da seleção brasileira.

Alemão marcou o único gol da partida, que teve público de 16.176 torcedores.  O resultado leva o time gaúcho aos seis pontos, na disputa pelos primeiros lugares do Brasileirão. Já o Fluminense, vazado pela primeira vez na competição, parou nos quatro.

O Inter abriu o placar aos 9 minutos do segundo tempo, com um jogador que saiu do banco de reservas no intervalo: Alemão. No lance, De Pena cruzou e ele se antecipou a David Braz. Repetiu, assim, o que havia feito na semana passada, quando também fez o gol da vitória do time gaúcho, naquela oportunidade contra o Fortaleza.

Athletico-PR bate Flamengo e vence a primeira

O Athletico-PR somou os seus primeiros pontos neste Brasileirão em um jogo de muito peso. Na Arena da Baixada, que recebeu 23.644 pessoas, venceu o Flamengo por 1 a 0, com gol do uruguaio David Terans, de pênalti. Assim, o time de Curitiba, agora com três pontos, deixou a zona de rebaixamento do Brasileirão, e está em 16º lugar. O Flamengo, por sua vez, parou nos cinco pontos, com um jogo a mais.

Terans esteve perto de abrir o placar aos 26 minutos do primeiro tempo, quando acertou o travessão, e marcou aos 31, após Isla derrubar Marcelo Cirino na grande área, convertendo a cobrança de pênalti. O Flamengo, que poupou alguns titulares, promoveu a estreia do zagueiro Pablo, que estava no Lokomotiv Moscou.

Como estava em desvantagem, o técnico Paulo Sousa acionou alguns dos jogadores poupados no segundo tempo, quando entraram Andreas Pereira, Gabigol e Everton Ribeiro. O time até cresceu de produção, mas não conseguiu evitar a sua primeira derrota neste Brasileirão.

Bragantino e São Paulo empatam no interior

No Nabi Abi Chedid, Bragantino e São Paulo empataram por 1 a 1, em jogo com gol-relâmpago de Alerrandro. A igualdade, vista por 8.040 pessoas no estádio, manteve os clubes próximos na tabela de classificação: o time do interior paulista tem cinco pontos, um a mais do que o da capital.

Logo no primeiro minuto, Alerrandro fez 1 a 0 para o Bragantino. Depois, a equipe, cheia de reservas, se fechou na defesa, contando com as defesas de Cleiton, um dos poucos titulares escalados, para segurar o São Paulo, que entrou em campo com algumas novidades, como Andrés Colorado, Patrick e Nikão.

Mas foi apenas após acionar outras opções que o São Paulo conseguiu o empate. Aos 25 minutos do segundo tempo, Éder, que havia sido acionado aos 20, recebeu cruzamento de Welington, outro suplente, e marcou de cabeça. No fim, o atacante acertou a trave, perdendo a oportunidade de sacramentar uma virada em Bragança Paulista.

Agenda

A terceira rodada do Brasileirão prossegue neste domingo com três jogos: Santos x América-MG (16h), Juventude x Cuiabá (18h) e Atlético-GO x Botafogo (18h30). Na segunda-feira, vão se enfrentar Avaí e Goiás, em Florianópolis. E a jornada só vai se encerrar em 1º de junho, com o clássico Fortaleza x Ceará.

Mais Recentes da CNN