Primeiro tênis de Michael Jordan é vendido por mais de R$ 3 milhões em leilão

Casa de leilões Sotheby's diz que compra por US$ 560.000 representa a maior da história para calçados

Par de tênis Nike Air Jordan 1 autografados e usados ??por Michael Jordan em 1985
Par de tênis Nike Air Jordan 1 autografados e usados ??por Michael Jordan em 1985 Foto: Sotheby's

Leah Asmelash e Susannah Cullinane,

da CNN

Ouvir notícia

Um par de tênis Air Jordan utilizado pelo astro do basquete Michael Jordan em 1985, sua temporada de estreia na NBA, foi vendido por mais de três vezes o preço estimado em um leilão neste domingo (17). Segundo a casa de leilões Sotheby’s, o valor alcançou um recorde na compra de calçados.

Dez concorrentes de todo o mundo – de seis países diferentes – competiram pelos tênis autografados Nike Air Jordan 1 em um leilão on-line. Ao final, o lance vencedor foi de US$ 560.000 (valor equivalente a mais de R$ 3 milhões), informou a casa de leilões em um comunicado à imprensa.

“Após uma guerra de lances que elevou o valor a US$ 300.000 nos vinte minutos finais da venda, o par se valorizou ainda mais”, disse a Sotheby’s.

A venda quebra o recorde mundial de leilão de um par de tênis, estabelecido no ano passado pelo leilão da Sotheby’s do raro calçado “Moon Shoe“, da Nike, por US $ 437.500. Os tênis de corrida com sola de waffle, um dos 12 pares já feitos, foram projetados pelo co-fundador da Nike Bill Bowerman para os Jogos Olímpicos de 1972.

O Nike Air Jordan 1 foi fabricado exclusivamente para Michael Jordan, já um promissor atleta em sua primeira temporada na NBA.

“Produzido entre fevereiro e abril de 1985, o Air Jordan 1 foi utilizado por Michael Jordan durante um momento crucial de sua carreira”, disse a Sotheby’s. Curiosamente, para se ajustar ao pé de Jordan, cada tênis do par tem um tamanho: nas medidas com padrão americano, os modelos são de número 13 (tênis esquerdo) e 13,5 (tênis direito).

Os calçados também têm o autógrafo de Jordan em marcador permanente.

O modelo é raro também porque sequer foi comercializado na época. “Jordan usou Air Jordan 1s até 29 de outubro de 1985, quando quebrou o pé”, pontuou a casa de leilões.

O leilão coincidiu com o episódio final de “The Last Dance“, documentários da ESPN americana sobre Jordan e a dinastia da NBA do Chicago Bulls.

A estraia da série de 10 partes, que foi ao ar em abril, teve uma média de 6,1 milhões de telespectadores, informou a rede em comunicado. Isso faz de “The Last Dance” o documentário da ESPN mais visto de todos os tempos.

A Sotheby’s disse que a venda de calçados “mostra não apenas o incrível apelo de Michael Jordan como um dos atletas mais reconhecidos e lendários de todos os tempos, mas também que a coleção de tênis é realmente um mercado global e crescente”.

De acordo com o Stockx, um site em que as pessoas podem comprar e vender tênis e roupas de rua, entre 1º de janeiro e a estreia da série em 18 de abril, 217 pares retrôs do Air Jordan 1 ‘Chicago’ de 2015 foram vendidos por um preço médio de US$ 925 .

Mais Recentes da CNN