Renato Follador, presidente do Coritiba, morre vítima da Covid-19 aos 67 anos

Dirigente estava internado desde o dia 1º de junho e falece apenas seis meses após assumir comando do clube do coração

Guilherme Venaglia e Ludmila Candal, da CNN, em São Paulo

Ouvir notícia

 

O engenheiro Renato Follador Júnior, presidente do Coritiba Football Club, morreu neste sábado (3), vítima de complicações da Covid-19, informou o Hospital do Rócio, onde o dirigente esportivo estava internado desde o dia 1º de junho.

Follador Júnior estava à frente do clube há apenas seis meses, tendo tomado posse em janeiro deste ano. Ele era filho de Renato Follador, o Renatinho, jogador que foi ídolo do alviverde paranaense nos anos 1950.

No passado, o dirigente chegou a ter experiências na política, como secretário de Previdência do Estado do Paraná, e também na imprensa local. 

“Com um extremo luto e um pesar sem dimensões, o Coritiba Foot Ball Club lamenta o falecimento de seu presidente Renato Follador Junior, neste sábado (03), em decorrência de complicações provenientes da Covid-19. Follador esteve internado desde o último dia 01 de junho, no Hospital do Rocio, em Campo Largo, Região Metropolitana de Curitiba. O clube decreta luto oficial, com todas as devidas condolências e homenagens ao presidente”, afirmou o clube, através de nota divulgada.

Diversos clubes brasileiros, como São Paulo, Santos, Vasco, Fluminense, Náutico e Sport divulgaram notas em seus perfis oficiais nas redes sociais, em solidariedade à torcida do clube paranaense e aos familiares do dirigente. Renato Follador Júnior deixa a esposa e três filhos.

Coritiba se despede de Renato Follador
Coritiba se despede de Renato Follador
Foto: Coritiba Foot Ball Club/divulgação

Mais Recentes da CNN