Tour de France desiste do processo contra a fã que causou acidente com ciclistas

A espectadora da primeira fase do evento segurou uma placa de papelão em meio à passagem dos ciclistas causando um grave empilhamento

Cyril Lemoine se feriu durante o acidente no Tour de France
Cyril Lemoine se feriu durante o acidente no Tour de France Foto: Fred Mons - Pool/Getty Images

Julien Pretot, da Reuters, na França

Ouvir notícia

O Tour de France retirou o processo contra uma espectadora que causou um grande empilhamento durante a primeira fase da corrida, disseram os organizadores à Reuters na quinta-feira (1).

A espectadora, uma francesa de 30 anos, estava sob custódia em uma delegacia de polícia em Landerneau, Bretanha, região noroeste da França onde o maior evento de ciclismo do mundo realizou suas primeiras quatro etapas.

Ela estava segurando uma placa de papelão e de costas para os ciclistas, tentando aparecer em uma câmera de televisão enquanto eles passavam. O alemão Tony Martin saiu voando quando foi colidiu com a placa, e muitos outros atletas foram ao chão.

 

“Estamos retirando nossa denúncia. Esta história foi exagerada, mas queremos lembrar a todos as regras de segurança na corrida”, disse o diretor do Tour, Christian Prudhomme.

“Se você vier para o Tour, você segura seu filho, segura seu animal de estimação e não atravessa a rua desatento. E, acima de tudo, você respeita os pilotos – eles são os únicos que merecem aparecer na TV ao vivo”.

Na terça-feira, os pilotos do Tour de France pararam a corrida por cerca de um minuto, um quilômetro em sua quarta etapa, em um protesto silencioso por condições de corrida mais seguras após inúmeras quedas.

Mais Recentes da CNN